Bem-vindo, !|Sair

Falta de pilotos qualificados preocupa companhias regionais nos EUA

 width=“750


O presidente da companhia aérea norte-americana SkyWest, Chip Childs, alertou o Congresso dos EUA sobre uma “crescente escassez de pilotos” que poderá resultar no corte significativo de um grande número de aviões, nos próximos três anos.

A SkyWest tem sede no Estado do Utah e é proprietária da companhias regionais SkyWest Airlines e da ExpressJet Airline.

Segundo Chip Childs, a maior operadora regional de voos dos Estados Unidos conseguiu manter os níveis de contratação adequados de pilotos até ao momento. No entanto, afirma que as companhias aéreas regionais mais pequenas estão a ter dificuldades acrescidas em encontrar pilotos qualificados. Uma situação que provavelmente começará a afetar também a SkyWest.

“Todos nós [na indústria aérea regional dos EUA] vemos uma escassez de pilotos muito significativa”, disse. “Estamos profundamente preocupados com as estatísticas, à medida que avançamos nos próximos três anos.”

No congresso Chip Childs afirmou ainda que as principais companhias aéreas dos Estados Unidos deverão contratar 18 mil pilotos nos próximos três anos.

A falta de pilotos poderá levar ao corte de até dois terços da frota de aviões regionais norte-americanos, em operação hoje em dia. “Somos a única fonte de viagens [aéreas] em 60% dos aeroportos que atendemos”, reforçou o presidente da SkyWest.

A Associação de Pilotos de Linha Aérea (ALPA) dos EUA considerou que a escassez de pilotos poderia ser resolvida com a implementação de salários mais altos. Uma medida que Chip Childs disse ter sido executada. “Houve uma tremenda mudança e compensação [para mais] nos últimos anos” para pilotos em companhias aéreas regionais americanas.

Em 2013, o congresso dos EUA aprovou uma série de mudanças na lei referente a contratação de pilotos por empresas regionais. As novas regras estabelecem que os pilotos devem ter no mínimo 1.500 horas de voo.

Childs considera que a Administração Federal de Aviação (FAA) dos Estados Unidos da América precisa receber novas orientações, de forma a serem implementados “caminhos alternativos”.

“Precisamos de alguns programas de empréstimo para pilotos”, disse o presidente da SkyWest aos legisladores.

Também o presidente executivo da Alaska Airlines, Brad Tilden, manifestou a sua posição a favor de Childs. “Eu só quero apoiar Chip Childs na formação de pilotos. Os empréstimos garantidos pelo governo federal aos estudantes seriam benéficos”.

Questionado sobre a possível expansão do serviço da SkyWest nas zonas rurais dos EUA, Childs referiu que esse projeto não irá avançar até a situação dos pilotos estar resolvida.

 


“Como

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica