Bem-vindo, !|Sair

Força Aérea Portuguesa testa novas câmaras de visão em UAV

‘A Força Aérea Portuguesa (FAP) vai realizar duas semanas de testes aos seus UAV (aeronaves não tripuladas), em Portimão, no Algarve, durante o próximo mês de Abril. “O objectivo é testar novas câmaras de visão (incluindo infravermelhos) para identificação de navios e derrames no mar”, explicou o coronel José Passos Morgado, do Centro de Investigação da Academia da Força Aérea (CIAFA), no decorrer da Semana Aeroespacial da APAE (Associação Portuguesa de Aeronáutica e Espaço), que decorre até ao dia 19, no Instituto Superior Técnico, em Lisboa. Esta operação vem na sequência da actividade que esta unidade da Força Aérea vem realizando com os UAV desde Julho de 2013, com a simulação de um derrame, monitorização e localização do navio infractor; da participação no exercício ‘Perseus’, em Setembro e Outubro de 2013, com o desenvolvimento de uma rede de vigilância marítima a partir de Portimão e de Porto Santo; assim como do exercício de monitorização de derrames ‘Sharpeye’, em Outubro de 2014.

Em Setembro ou Outubro de 2015, um UAV ‘Alfa Extended’ da Força Aérea Portuguesa efectuará um voo sobre o mar entre o Porto Santo e as ilhas Selvagens, num percurso total de ida e volta de 600 quilómetros. A FAP possui, actualmente, cinco unidades deste tipo de UAV, com um peso total de 26 kg, um payload (carga útil) de 8 kg e uma autonomia de 3 a 10 horas. “Atingimos um patamar de operação único a nível nacional, indispensável a todos os operadores, independentemente da utilização dos UAV ser militar ou civil”, sublinhou o coronel José Passos Morgado. Desde Janeiro de 2014, que o CIAFA entrou na fase de transferência de tecnologia dos UAV para a Força Aérea, os outros ramos das Forças Armadas e forças militarizadas.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica