Bem-vindo, !|Sair

Programa de Controlo do Espaço Aéreo de Angola entrou na 2ª fase de execução

A segunda fase do Programa de Gestão e Controlo do Espaço Áereo Civil (PGCEAC) de Angola foi tema de debate no encontro de quadros da Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e Navegação Aérea (ENANA), que teve lugar nesta terça-feira, dia 14 de fevereiro, no âmbito das celebrações do 37º aniversário da entidade. No encontro esteve presente o ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, que vincou que esta segunda fase do programa, agora iniciada, pretende elevar o nível da qualidade dos serviços de apoio aeroportuário e de navegação aérea no País.

“O PGCEAC é crucial para assegurar a segurança da navegação aérea, preenchendo as lacunas apontadas à gestão do nosso espaço aéreo, e, adicionalmente, contribuir para a salvaguarda da soberania nacional, mediante um melhor controlo da ‘Flight Information Region’ (FIR) oceânica e da FIR continental”, disse Augusto Tomás.

O ministro destacou na sua intervenção a necessidade de ser garantida uma manutenção adequada das infraestruturas aeroportuárias e de todos os equipamentos e sistemas que contribuem para o bom funcionamento do sistema.

“Neste período em que o sector aeronáutico tem como desafios a conclusão de projetos estruturantes, tais como o novo aeroporto internacional de Luanda, a modernização e ampliação do aeroporto de Cabinda, a placa e pista do aeroporto do Dundo, na Lunda-Norte, e a aerogare do Cuito, no Bié”, apontou.

Para o ministro é fundamental assegurar a implementação de rigorosos programas de manutenção para proteger todo o investimento realizado à data, assegurando assim que os meios colocados à disposição alcancem a sua vida útil prevista.

 

  • Foto © Álvaro Sepúlveda

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica