Bem-vindo, !|Sair

Aviação Geral: números recorde de registos na Alemanha e em todo o mundo

Tap_790x120

A Aviação Geral continua em crescendo em todo o mundo, foi hoje confirmado em Friedrichshafen, durante o segundo dia da AERO 2014.

Existem actualmente cerca de 370.000 aviões ligeiros, 24.000 dos quais registados na Alemanha, onde estão habilitados cerca de 75.000 pilotos neste tipo de aeronaves. A nível mundial o número de pilotos habilitados está estimado em cerca de um milhão. Os especialistas alemães relacionados com o sector da Aviação Geral esperam que neste ano de 2014 as vendas atinjam os três milhões de euros. Os números poderão subir ainda, de acordo com representantes da indústria que na manhã de hoje, quinta-feira, dia 10 de Abril, falaram aos jornalistas, durante uma conferência de imprensa no recinto do Aero Friedrichshafen 2014.

Em todo o território europeu as perspectivas de crescimento são também animadoras no sector da Aviação Geral, considera o jornalista Rolf Dörpinghaus, um dos especialistas participantes, que atribui um grande futuro ao transporte aéreo privado, não só pela sua flexibilidade, mas sobretudo pela forma discreta como permite a deslocação dos homens de negócio. Além deste aspecto destaca ainda a indispensabilidade dos equipamentos ligeiros no trabalho aéreo e nos serviços de buscas e socorro, além da demanda no segmento desportivo, com pretensões amadoras ou competitivas.

A chegada de novos veículos, máquinas, componentes e acessórios ao mercado, esta semana abrigados sob os mesmos tectos da Aero Friedrichshafen, onde estão representadas 606 empresas de 35 países, é um prova da força que o sector tem e do crescimento que esta categoria de menor peso da aviação ganha em cada ano que passa.

Por outro lado, destaca Rolf Dörpinghaus, a aviação geral tem conseguido interessar grupos mais jovens de entusiastas e tem crescido em direcções que considera correctas e de acordo com padrões mundialmente conhecidos de protecção ambiental, já que, assinala, há um interesse muito grande em crescer com boas práticas, como são os casos do voo eléctrico, que precisa ser mais estudado e divulgado, mas que, para já, está a fornecer soluções adequadas, porque seguras, mais baratas e menos poluentes.

Outro ponto positivo e gratificante que justifica e confirma o crescimento da Aviação Geral foi esta manhã divulgado na Aero Friedrichshafen 2014 por Nicolas von Mende, presidente executivo da ‘Atlas Air Service AG‘, companhia baseada em Ganderkesee, no Norte da Alemanha, uma das parceiras da fábrica norte-americana Cessna na Europa: cerca de 300 aviões ligeiros Cessna com registo alemão são assistidos por 150 técnicos nas quatro bases operacionais de manutenção técnica da Atlas Service, quer para revisões normais, quer por avarias pontuais. E entre os seus clientes há uma percentagem grande de empresários que recorrem aos serviços da empresa. O maior crescimento é agora apoiado nos novos jactos light da denominada aviação executiva, categoria em que o salão de Friedrichshafen apresenta também assinaláveis novidades.

A Associação de Proprietários e Pilotos de Aviões (AOPA – The Aircraft Owners and Pilots Association) representa os interesses da aviação geral na Alemanha. Tal como designa o seu nome é constituída por proprietários e pilotos de aviões. Em todo o mundo tem 470.000 mil membros. “Juntos com a EASA e as autoridades nacionais, nós temos, na qualidade de associação privada, procurado um entendimento que proporcione condições e um enquadramento favorável para um maior desenvolvimento do negócio potencial da Aviação Geral“, referiu Michael Erb, director executivo da AOPA, que apoia a necessidade das organizações deste tipo se reunirem com as entidades reguladoras com vista à modernização das formas de actuar face à introdução de novos componentes de alta precisão e novas tecnologias nos equipamentos com que os seus associados voam.

Wolfgang Müther, recentemente eleito presidente do Aero Clube da Alemanha (DAeC) refere-se também ao crescimento do número de associados na organização que dirige. Falou que o clube congrega cerca de 100.000 membros, aqui mais virados paras as actividades desportivas, o que comprova, afirma, que voar continua a ser um desporto muito excitante. O DaeC está pelo sexto ano consecutivo presente em Friedrichshafen com pavilhão próprio. O foco principal deste ano, observa Wolfgang Müther, é aprender a lidar com os sistemas alternativos de propulsão, como é o caso do ‘Volocopter‘, por exemplo, e com toda a panóplia de aviões ultra-ligeiros que hoje proliferam no mercado, tornando mais fácil o voo, mas mais exigente o seu controlo.

Na opinião do presidente do DAeC quando se fala em novos sistemas de propulsão, é natural que os desenvolvimentos seguintes estarão baseados nas novas aeronaves ultra-ligeiras, que assegurarão a base de testes para os ganhos de dimensão que se pretende conquistar no futuro.

A Expo Friedrichshafen 2014 encerra no sábado, dia 12 de Abril, pelas cinco horas da tarde.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica