Avião da FAB que transportava Rodrigo Maia sofre avaria e regressa a Brasília

O avião militar que transportava nesta quinta-feira, dia 10 de janeiro, Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados do Brasil a Cabo Verde, onde deveria participar na 8ª Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) teve que voltar a Brasília por “razões técnicas”.

A Força Aérea Brasileira não detalhou o que aconteceu com a aeronave, mas, segundo o jornal online da ‘Globo’, essa entidade garantiu que a segurança dos passageiros não foi afectada. Porém, a assessoria da Câmara dos Deputados explicou que se registou um problema com um vidro do avião e que Rodrigo Maia teve de cancelar a agenda na República de Cabo Verde.

“A aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) que transportava o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, retornou a Brasília (DF) às 18h30 desta quinta-feira (10/01), devido a questões técnicas. O voo com destino a Cabo Verde decolou da capital federal às 16h00. Em nenhum momento do voo a segurança dos passageiros foi afectada. A FAB disponibilizou outra aeronave para efetuar o voo”, informou a FAB.

Rodrigo Maia participaria na 8ª Assembleia Parlamentar da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Além dos compromissos relativos à assembleia, o presidente da Câmara também iria se encontrar com o presidente Jorge Carlos Fonseca.

O site noticioso ‘Mindel Insite’, baseado na ilha de São Vicente, em Cabo Verde, anuncia que Rodrigo Maia faria uma intervenção na sessão de abertura do evento, a par de Jorge Carlos Fonseca, enquanto Presidente da República de Cabo Verde e da Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP; de Jorge Santos, Presidente da Assembleia Nacional; e do Secretário Executivo da CPLP, Francisco Ribeiro Telles.

Sob o lema “CPLP – Uma Comunidade de Pessoas”, a VIII AP-CPLP consubstancia uma agenda que contempla a reunião dos Presidentes dos Parlamentos, das Comissões Permanentes e da Rede de Mulheres Parlamentares. Organizada pela Assembleia Nacional cabo-verdiana, esta vai ser a ocasião para a passagem da coordenação deste órgão da CPLP, designadamente, do Brasil para Cabo Verde.

A VIII AP-CPLP conta com a participação de mais de 120 parlamentares que compõem as delegações de Portugal, Angola, Brasil, Moçambique, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial e São Tomé e Príncipe. Por razões de política interna, Timor-Leste não se fez representar no encontro.

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica