Bem-vindo, !|Sair

Avião da KLM retornou ao Rio de Janeiro com vidro da cabina quebrado

Um avião Boeing 777-200ER da KLM, registo PH-BQD, que realizava no sábado, dia 15 de Novembro, o voo KL706, entre o Rio de Janeiro/Galeão e Amsterdão, na Holanda, foi obrigado a retornar ao aeroporto brasileiro, devido à quebra do vidro de uma janela.

Segundo relato dos passageiros aos canais informativos nacionais brasileiros, nomeadamente à Rede Globo, o comandante do avião terá resolvido regressar ao ponto de partida cerca de uma hora e meia depois de descolar quando a aeronave já sobrevoava o Estado da Bahia. Confirmada a rachadura no vidro, o avião baixou para uma altitude de 12.000 pés (cerca de 3.600 metros) para poder reduzir a pressurização a bordo, diminuiu a velocidade e teve de alijar combustível no mar. Aterrou no Aeroporto Internacional do Galeão/Rio de Janeiro pelas 01h50 de domingo, sem quaisquer incidentes. Os passageiros foram encaminhados para hotéis na cidade fluminense.

O avião da companhia holandesa foi avaliado pela equipa de manutenção em escala, tendo sido mudado o vidro da janela. O Aeroporto informou durante o dia que a aeronave estava pronta para retomar viagem na noite de domingo, dia 16 de Novembro, o que aconteceu, como confirmou o Newsavia.

O aparelho da KLM partiu do Rio de Janeiro pelas 21h45 e aterrou ao princípio da tarde de hoje, segunda-feira, dia 17 de Novembro, no Aeroporto Internacional de Schippol, na cidade de Amsterdão.

Tanto os serviços aeroportuários como a companhia aérea confirmaram o incidente e a sua natureza. Todos os passageiros foram protegidos e estão encaminhados para os seus destinos, assinala um comunicado da KLM divulgado no Brasil.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica