Bem-vindo, !|Sair

Avião ligeiro cai em Belo Horizonte – Piloto morreu carbonizado

Um avião ligeiro, monomotor, Socata ST-10 Diplomate, caiu na tarde deste sábado, dia 13 de abril, pelas 15h15, numa rua do bairro Caiçara-Adelaide, na região noroeste da cidade de Belo Horizonte, no Estado de Minas Gerais. O piloto e único ocupante da aeronave morreu carbonizado no incêndio que se seguiu ao impacto da aeronave, junto de um portão da Rua Minerva, uma zona residencial da cidade.

Os bombeiros foram chamados ao local, mas nada puderam fazer para salvar o piloto, dada a voracidade do fogo ativado pelo combustível derramado na queda. O avião caiu a cerca de dois quilómetros de distância do aeroporto, logo após a descolagem. Um piloto que assistiu à descolagem do aparelho disse aos jornalistas que se apercebeu de que o avião tinha o motor a falhar. Logo depois sentiu um estrondo, que confirmou tratar-se da queda do Socata ST-10.

Fotos © Corpo de Bombeiros de Belo Horizonte.

Fontes locais disseram que o avião tinha descolado do Aeroporto Carlos Prates, em Belo Horizonte, onde existe uma escola de pilotos. Mais tarde, a rede ‘Globo’ noticiou que o dono da aeronave era o médico Francisco Fabiano Gontijo, também um experiente piloto, que dava aulas na escola de pilotos da localidade.

O avião tinha o registo PT-DME e está completamente ardido. Na consulta ao Registo Aeronáutico Brasileiro (RAB), consta que a aeronave está com o certificado de aeronavegabilidade suspenso, noticiou a ‘Globo’ que já solicitou à ANAC um esclarecimento sobre a situação.

O avião acidentado em Belo Horizonte neste sábado, dia 13 de abril. Foto © Sergio Carneiro Correa.

Segundo a Força Aérea Brasileira, investigadores do Terceiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa III) vão deslocar-se ao local para iniciar o inquérito de averiguações que irá apurar as causas que conduziram a mais esta tragédia com um avião ligeiro no Brasil.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica