Bem-vindo, !|Sair

TAP deixa de aterrar no Pico e no Faial – SATA garantirá as ligações

 

  • Notícia actualizada

A TAP vai deixar de ter voos próprios para as ilhas do Pico e Faial, na Região Autónoma dos Açores, passando a propor esses destinos e mais a ilha de Santa Maria, para onde não voa desde há alguns anos, em code share com a SATA Internacional, de acordo com fontes do mercado que corroboram notícias nesse sentido já avançadas pela imprensa dos Açores, escreve hoje, segunda-feira, 2 de Março, o ‘PressTUR’ portal de notícias de turismo e viagens.

No site da TAP, porém, ainda estão disponíveis esses voos, cujo regime de operação muda no final de Março, com a mudança do quadro das Obrigações de Serviço Público (OSP).

As novas regras liberalizam as ligações do continente português com as ilhas de São Miguel e da Terceira, mantendo obrigações de serviço público nas ligações dos aeroportos continentais portugueses com Santa Maria, Faial e Pico.

O secretário Regional de Turismo e Transportes dos Açores, Vítor Fraga, citado pela ‘Antena 1 Açores’, garantiu que a SATA Internacional, empresa cujo accionista é o Governo Regional dos Açores, vai concorrer a todas as rotas de e para ilhas do arquipélago e garantiu que a companhia terá pilotos preparados para operar voos de e para o Aeroporto da ilha do Pico. Este aeroporto, devido à extensão da pista (apenas 1.760 metros de extensão) era operado pela TAP com aviões A319 e A320, e os comandantes tinham de ter uma certificação especial e treino adequado, dadas as especificidades operacionais da pista de aterragem. O Pico recebia um voo semanal da TAP na época de Inverno e dois no Verão.

No que se refere ao Aeroporto da Horta, na ilha do Faial, as ligações com Lisboa são diárias e eram divididas entre a TAP (cinco voos por semana) e a SATA Internacional (dois voos/semana). Assim continuará, aliás, até final do corrente mês de Março, altura em que a TAP se retirará.

O Grupo SATA deverá revelar durante esta semana, a sua nova programação de voos para a temporada Verão IATA, sabendo-se desde já que terá mais voos das ilhas do Grupo Central dos Açores para Lisboa, por via da saída da TAP.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica