Bem-vindo, !|Sair

Boeing 737-800 da Euro Atlantic Airways aterrou na Madeira pela primeira vez

O Boeing 737-800 da companhia portuguesa Euro Atlantic Airways, registo CS-TQU, aterrou hoje, sábado, pela primeira vez no Aeroporto da Madeira, para onde realizou duas viagens provenientes de Lisboa, ao serviço da TAP Portugal, devido à avaria do avião da PGA – Portugália Airlines, escalado para esses voos.

Trata-se de um acontecimento assinalável, não só pela estreia, mas também pelo facto de não ser frequente ver aviões da Euro Atlantic na Madeira, embora a companhia tenha sido fundada pelo empresário hoteleiro madeirense Dionísio Pestana, em sociedade com Tomaz Metello.

A companhia tem se dedicado, ao longo da sua existência de 14 anos, ao aluguer de aeronaves em ACMI e aos voos charters e de substituição, em todo o mundo. Este Boeing 737-800 é, actualmente, o único avião de médio curso que possui na sua frota, também utilizado nos voos regulares da STP Airways, companhia da República Democrática de São Tomé e Príncipe, a que está associada a Euro Atlantic, e que voa entre os aeroportos de São Tomé e de Lisboa. Os restantes aparelhos da frota são Boeings 767 e 777, que são habitualmente alugados a companhias internacionais para a realização de voos de longo curso.

Dionísio Pestana começou na aviação comercial, com uma participação na Air Atlantis, companhia criada em Maio de 1985 pela TAP para o transporte charter, nomeadamente para transportar turistas europeus para Portugal. O hoteleiro madeirense entrou para a empresa em 1991, ficando com 20 por cento do capital. Foi ao tempo considerada uma mais-valia para a TAP, na medida em que potenciava a vocação turística da transportadora aérea, dada a união com o sector da hotelaria. Contudo, a gestão da TAP e as decisões comerciais dos responsáveis pela administração da Air Atlantis levaram a uma situação insustentável no mercado e a TAP resolveu, unilateralmente, encerrar a companhia de voos charters em 30 de Abril de 1993.

Os compromissos assumidos no mercado internacional pelos hotéis do Grupo Pestana levam Dionísio Pestana a relançar-se no negócio do transporte aéreo no Verão desse ano e através de uma das suas empresas participadas, a ITI, proprietária do Hotel Casino Park e concessionária do Casino da Madeira. Assim criou a empresa Air Madeira que começa a trabalhar com a designação Air Zarco, operando um Lockheed TriStar L-1011, que pertencera à TAP. Só em 17 de Maio de 2000 é que foi criada a Euro Atlantic Airways, para onde passaram todos os activos da Air Madeira, e que continuou e continua a ser presidida por Tomaz Metello, um destacado ex-quadro internacional da TAP. Actualmente a maioria do capital social é controlada pela família Metello, através de participações individuais e de empresas por ela controladas. Dionísio Pestana continua a deter uma percentagem importante e a Euro Atlantic está integrada no universo do Grupo Pestana. É desde a sua fundação uma empresa com resultados anuais positivos, o que é um caso raro no sector em Portugal.

 

(Na foto vê-se o Boeing 737-800 CS-TQU da Euro Atlantic Airways fotografado no Aeroporto da Madeira no dia da sua escala inaugural, sábado, dia 4 de Janeiro de 2014. A imagem é da autoria de Afonso Nunes/Madeira’s Little Aeronautic Corner)

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica