Bem-vindo, !|Sair

Boeing prevê duplicação do tráfego de carga aérea nos próximos 20 anos

A Boeing prevê um crescimento do tráfego de carga aérea na ordem de 4,4 por cento/ano nos próximos 20 anos e mais do dobro até 2033, conforme foi divulgado esta semana num fórum internacional sobre tráfego de carga aérea realizado na cidade de Seul (Coreia do Sul).

Segundo a construtora norte-americana, os mercados mundiais de carga aérea da Ásia-Norte, América e Europa-Ásia continuarão a dominar o volume do tráfego aéreo, prevendo-se que o mercado intra-asiático, chinês e Ásia-América do Norte registem as maiores taxas de crescimento nos próximos 20 anos.

“Vemos sinais claros de recuperação, já que o tráfego de carga aérea continua a aumentar depois de vários anos de estagnação”, afirmou o vice-presidente de Marketing da Boeing Commercial Airplanes, Randy Tinseth.

Durante os sete primeiros meses deste ano, registou-se um aumento de 4,4% comparado com o mesmo período de 2013. A manter-se esta tendência, 2014 registará a maior subida do sector de carga aérea desde 2010.

A frota mundial de cargueiros Boeing também vai aumentar, nomeadamente com a entrega de 840 aviões novos e de 1.330 aeronaves de passageiros convertidas em aviões de carga. Estima-se que mais de 52 por cento destes aparelhos vão substituir aviões em fim de vida.

As 840 entregas previstas para o período 2014-2033 têm um valor estimado de 240 milhões de dólares (cerca de 189.970 milhões de euros).

Mais de 70 por cento dos aviões recém-fabricados serão cargueiros de grande capacidade, como o Boeing 747-8 e o Boeing 777.

 

Foto :  Scott Wright 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica