Cinco mortos em acidente com avião ligeiro no oeste do Alasca

O piloto e quatro passageiros que seguiam a bordo de um avião ligeiro Piper PA-32R-300 Cherokee Lance da companhia Yute Air morreram na quinta-feira, dia 6 de fevereiro, devido à queda da aeronave a oeste do Alasca.

O acidente deu-se pelas 13h40, tendo sido emitido um alerta dois minutos depois. Os destroços do avião (matrícula N7632C) e os corpos dos ocupantes foram encontrados poucos minutos depois por um helicóptero das Forças Militares dos EUA destacadas no Alasca.

Embora sendo um avião ligeiro, esta aeronave ao serviço da companhia regional Yute Air, fazia ligações entre cidades secundárias e localidades do sudoeste da comunidade de Tuntutuliak, disseram as tropas estaduais do Alasca. O aparelho voava entre Bethel e Kipnuk.

Um porta-voz militar disse à cadeia televisiva NBC KTUU que o aparelho e os corpos foram localizados mas não recuperados. Uma missão que esperavam completar nesta sexta-feira, dia 7 de fevereiro, dependendo das condições atmosféricas, pois tratam-se de montanhas geladas e com nevões permanentes nesta época do ano. O avião caiu próximo de uma comunidade rural de cerca de 400 pessoas, localizada a mais de 400 milhas a oeste de Anchorage.

A Yute Air sofreu dois acidentes graves no ano passado. Um avião caiu em abril perto de Bethel, tendo as quatro pessoas que seguiam a bordo, incluindo o piloto, saído ilesos, sem ferimentos. Em novembro, um outro avião da Yute caiu em Goodnews Bay e o piloto, único ocupante, escapou sem ferimentos.

 

  • Na imagem de abertura vemos um avião semelhante ao que se despenhou nesta quinta-feira, dia 6 de dezembro, no Alasca.

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica