Controlo biométrico do embarque inaugurado no Santos Dumont/Rio de Janeiro

O Aeroporto Santos Dumont, na cidade do Rio de Janeiro, inaugurou na semana passada o projeto-piloto idealizado pelo Ministério da Infraestrutura do Brasil e desenvolvido pela ‘Serpro’, empresa de tecnologia da informação do Governo Federal, para tornar mais eficiente, ágil e seguro o processo de embarque nos aeroportos.

O ‘Embarque + Seguro’, projeto no âmbito do Programa de Transformação Digital do Governo Federal, tem a participação de empresas parceiras, com a colaboração da Infraero e da Azul Linhas Aéreas. Trata-se de um processo de embarque com uso de reconhecimento facial e sem a apresentação do cartão de embarque pelos passageiros.

A solução está sendo testada no Santos Dumont com passageiros voluntários da Azul, convidados para experimentarem a tecnologia. No momento do check-in no aeroporto, o assistente da companhia aérea realiza a validação biométrica do passageiro, comparando os dados e a foto, tirada na hora, com as bases governamentais. A partir da validação, o passageiro pode embarcar por meio da leitura biométrica do rosto, que será feita pelas câmaras dos pontos de controlo de acesso à sala de embarque e à aeronave, sem a necessidade de apresentar documento e cartão de embarque.

Após a aprovação do projeto-piloto do ‘Embarque + Seguro’, o governo avançará com as ações para implantação efetiva da tecnologia nos principais aeroportos do país. O projeto já vem sendo testado, desde o ano passado, nos aeroportos de Florianópolis/Santa Catarina e de Salvador/Bahia.

 

  • Foto © Infraero

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica