Bem-vindo, !|Sair

Cormorant demonstra com sucesso operação SAR não tripulada
 (com vídeo)

A Tactical Robotics, uma subsidiaria da Urban Aeronautics, que está baseada em Tel Aviv, em Israel, realizou com sucesso a sua primeira missão SAR Seach and Rescue )  não tripulada, num exercício em que pretendia demonstrar ao seu principal cliente,  as forças armadas de Israel as potencialidades do seu meio de transporte, o Cormorant

O Cormorant, é o primeiro veiculo não tripulado desenhado e em testes para este tipo de operação. A Urban Aeronautics encontra-se a desenvolver este modelo de VTOL, na sua sede, em Israel desde 2010.

O voo de teste decorreu no aeródromo de Megiddo na Galileia, e consistiu numa descolagem com uma carga  realizando um plano de voo até um ponto especifico onde após a descarga, recebeu um manequim de testes monitorizado, que simulava uma casualidade, que foi depois encaminhado para o ponto de inicio do teste. Com a exceção da extração da carga,  e do manequim de testes toda a ação foi autónoma.

 

Diferente de outros modelos VTOL (acrónimo em inglês para vertical take-off and landing), o Cormorant possui rotores internos à fuselagem.

Embora o design utilizado não seja novidade, uma vez que já era utilizado por alguns fabricantes de VTOLs nos anos 60, esta tipologia não foi difundida em larga escala por falta de tecnologia de controlo de voo.

Com mudanças ao nível da ergonomia e equipado com um motor Safran Arriel 2S2, o Cormorant tem o mesmo desempenho de carga, altitude e velocidade que helicópteros pequenos. Prevê-se que este modelo tenha uma capacidade de carga de 1100 libras (500 quilos) e um alcance de até 140 km, podendo pousar em áreas em que um helicóptero tradicional não pousaria, como, por exemplo, um ponto numa zona de catástrofe.

Os rotores internos de rotação lenta permitem um desempenho mais silencioso que o de um helicóptero (cerca de 70 decibéis). A ideia é causar pouco impacto de ruído e a possibilidade de aproximação de pessoas em segurança.

Para tornar o protótipo mais leve, a Urban Aero optou pela alimentação dos motores a “jet fuel”, o que permite ter 20 vezes menos peso para o mesmo conteúdo de energia em relação a VTOLs alimentados a bateria.

No futuro, a meta é utilizar energia limpa, como o hidrogénio e conceber uma versão tripulada do Cormorant:  o City Hawk, que terá capacidade para cinco passageiros e um piloto.

A empresa iniciará, ainda este ano, a base de certificação do protótipo, em conjunto com a FAA e a entidade Federal Transport Canadá.

Actualmente o Cormorant é o único veiculo não tripulado reconhecido pela NATO com capacidade de efetuar missões não tripuladas de decolações de carga e evacuações médicas.

Até ao momento, foram realizados mais de 250 voos de teste, com 1000 canais de telemetria e transmissão de vídeo e som em tempo real. O Cormorant será lançado em 2022 e a sua versão tripulada, em 2025.

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica