Dash 8-400 da SATA Air Açores realiza voo fretado entre a Madeira e Cascais

Obrigada a deslocar-se em voo fretado, por imposições de ordem sanitária e de prevenção e distanciamento social face ao período particular que se vive, a equipa de futebol do Club Sport Marítimo, da ilha da Madeira, voltou a escolher a SATA Air Açores para a sua deslocação ao campo do adversário, onde disputa nesta sexta-feira, dia 3 de julho, mais um jogo da I Liga Profissional.

Uma viagem com alguns contornos curiosos, já que foi fretado um avião da companhia regional da vizinha Região Autónoma dos Açores, também um território insular, que transportou a comitiva maritimista até Lisboa, onde os madeirenses irão defrontar uma equipa dos Açores, o Santa Clara, da ilha de São Miguel, que face ao período de pós confinamento devido à pandemia de covid-19, optou por basear técnicos e jogadores no continente, na Cidade do Futebol, em Oeiras, no distrito e área metropolitana de Lisboa. Neste aspecto o CS Marítimo bateu-se por disputar os jogos no seu estádio, na cidade do Funchal, o que foi autorizado pelas instâncias do futebol profissional e pela Direção-Geral de Saúde, depois de comprovadas as devidas condições sanitárias.

Outro facto interessante é o de o avião da SATA Air Açores, um Dash 8-400, matrícula CS-TRD, batizado com o nome ‘Manuel Arriaga’, um açoriano que foi o primeiro Presidente da República Portuguesa, ter feito o voo diretamente do Aeroporto da Madeira-Cristiano Ronaldo para o Aeródromo Municipal de Cascais, na localidade de Tires, situado a poucos quilómetros do campo de jogo e do local onde pernoitou a equipa de futebol madeirense. Um aeródromo pouco usado para voos comerciais, sendo mais utilizado por escolas de aviação, voos executivos e recreativos e pelo avião da Sevenair que faz a rota regional entre o norte e sul de Portugal, com escalas diárias nos aeródromos municipais de Bragança, Vila Real, Viseu, Cascais e Portimão.

A comitiva do Marítimo não regressará neste fim-de-semana à Madeira, tendo optado por seguir para o Norte de Portugal, onde preparará o próximo jogo, que será frente ao Boavista, no Estádio do Bessa, na cidade do Porto.

O voo da SATA Air Açores, realizado ao fim da tarde de quinta-feira, dia 2 de julho, teve a duração de 01h35, segundo registo do ‘FlightRadar24’, tendo o avião regressado à noite a Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, onde aterrou pelas 22h09 locais.

 

  • Na imagem de abertura vemos dois futebolistas do CS Marítimo a  desembarcarem no Aeródromo Municipal de Cascais na tarde de quinta-feira, dia 2 de julho. Foto © Diogo Vicente/Newsavia

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica