Bem-vindo, !|Sair

Dois pilotos brasileiros acusados de violação de espaço aéreo em Zulia (Venezuela)

Os pilotos brasileiros Enlil Oliveira da Silva, 48 anos, e Maulos de Paula Balcacar, de 34 anos, serão presentes a Tribunal, acusados de terem violado o espaço aéreo venezuelano a bordo de um avião ligeiro Piper 310, no passado dia 26 de Março, tendo aterrado depois no Aeroporto Miguel Ángel Urdaneta, em Santa Bárbara, Município Colón do Estado Zulia, no Norte da Venezuela.

O jornal ‘El Universal’ que se publica em Caracas, refere que na audiência preliminar de hoje, após conclusão da fase de inquérito do processo, o Ministério Público formalizou a acusação contra os dois pilotos por tráfico de drogas, associação criminosa, interferência na segurança operacional da aviação civil, desvio e obtenção fraudulenta de rotas, alteração de registos individuais de aeronaves e condução ilegal de uma aeronave.

Todos estes delitos estão previstos e sancionados no Código Penal da República Bolivariana da Venezuela. De acordo com o jornal os juízes de instrução validaram a detenção dos dois pilotos brasileiros, agora reclusos numa prisão de El Marite, onde aguardam julgamento.

O jornal venezuelano refere ainda que os dois pilotos viajavam num avião que tinhas uma matrícula falsa, feita com adesivos e colada sobre a verdadeira e que a bordo transportavam um quantidade não revelada de cocaína. Também não possuíam no momento em que foram abordados pelas autoridades venezuelanas quaisquer documentos ou registos que lhes permitisse sobrevoar território da Venezuela.

 

  • Na imagem vê-se o avião ligeiro que foi apreendido junto com fotos vendadas dos dois pilotos brasileiros que agora estão presos. Foto: ‘Version Final’, Zulia

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica