ERJ-190 da Air Astana emitiu ‘mayday’ nos céus de Portugal – Avião aterrou em Beja

Um avião Embraer ERJ-190LR da companhia Air Astana, do Casaquistão, aterrou neste domingo, dia 11 de novembro, pelas 15h28, no Aeroporto de Beja, no Alentejo, depois de ter estado durante vários minutos numa situação de suposto descontrolo nos céus de Portugal.

Os pilotos da aeronave, matrícula P4-KCJ, emitiram um pedido de socorro (Mayday), alegando o descontrolo operacional e falência dos sistemas de navegação da aeronave. Da Base Aérea de Monte Real da Força Aérea Portuguesa descolaram dois aviões caça F16, que se dirigiram ao encontro do avião da Air Astana, numa situação de chuva e ventos muito fortes, procurando estabelecer comunicação com os tripulantes e levar o avião para uma aterragem de sucesso.

Conseguiram contato por rádio e depois houve uma recuperação de alguns dos sistemas de bordo e numa terceira tentativa de aproximação ao Aeroporto de Beja, uma base aérea que funciona também como aeroporto civil, no sul de Portugal, o avião avariado pousou de forma controlada.

Segundo fontes aeronáuticas, em Lisboa, a situação esteve muito grave, tendo a Proteção Civil Portuguesa e as autoridades portugueses chegado a admitir uma tentativa de pouso nas águas do Rio Tejo, frente à cidade de Lisboa, como mal menor.

Desconhecem-se oficialmente, em boa verdade, pormenores sobre o que terá causado o “descontrolo” da aeronave.

O Embraer ERJ-190LR tinha descolado pela hora do almoço do aeroporto de Alverca, onde estão situadas as oficinas da OGMA – Indústria Aeronáutica de Portugal S. A., onde o avião terá estado nas últimas seis semanas numa revisão normal ‘Check C’. A bordo da aeronave estavam seis tripulantes, eventualmente, todos funcionários da companhia Air Astana.

A aterragem em Beja decorreu bem e todos os ocupantes da aeronave estão ilesos. Não consta que o aparelho tenha sofrido outros prejuízos, além dos já reportados no sistema de aeronavegação.

Entretanto um despacho da agência noticiosa portuguesa ‘Lusa’, distribuído na trde deste domingo, diz que o avião da Air Astana sofreu uma “falha crítica nos sistemas de navegação e controlo de voo”, disse à Lusa fonte aeronáutica. O voo KZR 1388 descolou de Alverca às 13h21 e tinha como destino Minsk, capital da Bielorrúsia.

A mesma fonte disse à ‘Lusa’ que o piloto foi recuperando com o tempo alguns dos instrumentos que tinham avariado, o que lhe permitiu aterrar em Beja.

O avião aterrou às 15:28 na pista 19 do aeroporto de Beja, à terceira tentativa, depois de ter borregado (termo técnico da aviação para designar tentativas frustradas de aterragem) duas vezes. Segundo a mesma fonte, “a aterragem correu bem”.

 

 

  • Notícia atualizada às 17h00 UTC
  • Foto do avião envolvido no incidente © Damir Kagarmanov/Kazakhstan Spotting Club

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica