Bem-vindo, !|Sair

Ethiopian Airlines contrata assistentes de bordo chineses

A companhia aérea Ethiopian Airlines contratou pela primeira vez na sua história, assistentes de bordo chineses. À medida que o número de voos entre a Etiópia e a China aumenta, a Ethiopian Airlines decidiu contratar assistentes de bordo que falam mandarim para melhor servir os seus passageiros, noticiou a cadeia de televisão chinesa CCTV. Tewolde GebreMariam, presidente executivo da Ethiopian Airlines, explicou que a companhia precisava de assistentes de bordo chineses para dar resposta ao número crescente de passageiros chineses. “Temos tantos passageiros chineses nos nossos quatro voos diários para a China e alguns não falam um inglês assim tão bom. Logo, precisamos de tripulantes de cabina que falam a sua língua, por uma questão cultural. E também queremos que eles sintam que é a sua companhia aérea, a sua marca”, frisou o mesmo responsável.

Até à data, a ‘Ethiopian Aviation Academy’ já formou 28 tripulantes de cabina chineses, a par de formandos de países africanos, incluindo o Malawi e a Líbia. Os assistentes de bordo entrevistados pela CCTV disseram estar muito contentes por serem o primeiro grupo de chineses na companhia. Esta contratação vai ajudá-los a trazer a sua cultura para o país e a aprender a cultura etíope. “Os formadores etíopes são muito profissionais”, disse um dos formandos.

A Ethiopian Airlines quer fazer de Addis Abeba o hub de África para os visitantes provenientes da China. O terminal tem um balcão de saúde com pessoal chinês, documentos traduzidos em mandarim e até um noodle bar no lounge da classe executiva. “Há perto de um milhão de chineses a trabalhar e a investir em África, por isso, a nossa pretensão é aproximarmo-nos do seu perfil”, acrescentou Tewolde à CCTV.

A Ethiopian Airlines voa directamente de Addis Abeba, a capital etíope, para Pequim, Hangzhou, Xangai e Guangzhou.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica