Bem-vindo, !|Sair

Euro Atlantic recebe três B767-300ER e aluga B737-800 à Coredon

banner-AECP-02042015

 

Os voos da Euro Atlantic Airways (EAA) entre Lisboa e Bissau vão passar a ser feitos em aviões Boeing 767-300ER, confirmou ao NewsAvia o porta-voz da companhia aérea portuguesa. O mesmo acontecerá com os voos para São Tomé, em que a STP Airways utiliza aeronaves da EAA nos voos de Lisboa para a capital da República Democrática de São Tomé e Príncipe.

A decisão de utilizar aviões de maior capacidade nas ligações para esses dois países de língua oficial portuguesa resulta do fato da companhia ter alugado o seu único Boeing 737-800 à Coredon Airlines, companhia turca, com sede em Antalaya, que se dedica ao transporte de turistas europeus, nomeadamente da Holanda, onde os seus promotores têm interesses no negócio da operação turística. O aluguer vigorará durante todo o Verão, o que já tem acontecido em anos anteriores.

Contudo, a Administração da Euro Atlantic em curta declaração ao NewsAvia, destaca que “independentemente de processos de gestão contratual da sua frota, face ao aumento do tráfego de passageiros e de carga em ambas as rotas [Bissau e São Tomé], a EAA já vinha operando os destinos com equipamentos B767-300ER, situação que deverá manter-se ao longo do Verão IATA”.

“A EAA, além de estar a disponibilizar mais capacidade, espera que as finanças públicas dos Estados da Guiné-Bissau e de São Tomé e Príncipe, estejam a beneficiar deste aumento da oferta, na captação de divisas e equilíbrio da balança comercial de ambos os países”, refere ainda a Administração da Euro Atlantic Airways.

Entretanto sabemos que a ANAC – Autoridade Nacional de Aviação Civil de Portugal (ex-INAC) já concedeu o registo para os três novos aviões Boeing 767-300ER que passarão a integrar a frota da companhia portuguesa, a partir deste Verão.  Os aviões adquiridos pela EAA estavam ao serviço de companhias africanas, sendo dois na Kenya Airlines e um na Ehiopian Airlines.

Segundo consta do site alemão ‘Skyliner – aviation news & more’, que regista a movimentação de aeronaves comerciais mundiais, os novos aviões terão os seguintes registos:

 

Boeing 767-300 CS-TKR – ex-Ethiopian Airlines, registo ET-ALC, cn 28.043, sn 734, 1º voo em 07 de Janeiro de 1999. Estava configurado para 234 passageiros, sendo 24 em Classe C (Executiva) e 210 em Classe Y (Económica).

Boeing 767-300 CS-TKS – ex-Kenyan Airways, registo 5Y-KQY, cn 30.841, sn 841, 1º voo em 12 de Junho de 2001. Estava configurado para 216 passageiros, sendo 20 em Classe C e 196 em Classe Y.

Boeing 767-300ER CS-TKT– ex-Kenyan Airways, registo 5Y-KQZ, cn 30.853, sn 837, 1º voo em 05 de Maio de 2001. Estava configurado para 300 passageiros, sendo 12 em Classe C e 288 em Classe Y.

 

Recorde-se que em Fevereiro passado a EuroAtlantic confirmou a retirada de frota de dois aviões Boeing 767-300ER, de construção mais antiga, que foram levados para um aeroparque num deserto dos Estados Unidos da América. Na oportunidade a companhia portuguesa, presidida por Tomaz Metello, anunciou que estava em processo de aquisição de dois novos aviões, conforme referiu o ‘NewsAvia’. Agora conclui-se que se decidiu por integrar três em vez de dois aparelhos, todos dedicados para voos de longo curso e intercontinentais. Aguarda-se um comunicado da companhia sobre esta matéria nos próximos dias. LINK para notícia anterior.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica