Bem-vindo, !|Sair

Governo reduz modernização dos C-130 da FAP e melhora equipamentos dos Falcon 50

Agarra a tua oportunidade - IFA Aviation Training Center


 

O projeto inicial de modernização das aeronaves de transporte da Força Aérea Portuguesa C-130 Hercules foi cancelado e a frota será antes alvo de modificações e manutenção até os KC-390, que os vão substituir, estarem operacionais, prevê um despacho do ministro da Defesa Nacional, publicado em ‘Diário da República’ nesta sexta-feira, dia 20 de abril.

O despacho cancela o projeto de modernização das aeronaves C-130 tal como tinha sido definido num despacho de 2016, que previa um investimento de 29 milhões de euros.

Face ao início das negociações para a aquisição de cinco aeronaves KC-390 para substituir os C-130, autorizadas em junho de 2017, o Governo optou por cancelar o projeto inicial e transferir as verbas para “garantir a sustentação” dos C-130 “até ser atingida a Capacidade Operacional Final do KC-390”.

O despacho prevê o aproveitamento do “cofinanciamento europeu” para a modificação dos sistemas internos dos C-130 e dos aviões Falcon 50 (três) que estão ao serviço da FAP para os adaptar com sistemas mais precisos face aos requisitos europeus criados devido ao aumento do tráfego aéreo na Europa.

A modificação dos C-130 deverá implicar um investimento no valor máximo de 19 milhões e 60 mil euros, prevê o despacho, que autoriza também 2,6 milhões de euros para a “sustentação da frota C-130” até ser atingida a Capacidade Operacional Final do KC-390.

A modificação dos sistemas dos aviões Falcon 50 custará no máximo 4,4 milhões de euros, indica o despacho.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica