Bem-vindo, !|Sair

Greve de controladores aéreos italianos afecta tráfego na Europa

A paralisação de 24 horas decretada pelo sindicato nacional dos controladores de tráfego aéreo na Itália está a ter consequências graves no movimento das companhias europeias.

Dados divulgados esta manhã pelo portal ‘Flight Aware’ indicam que a EasyJet viu-se obriga da cancelar 68 voos, a Ryanair 26 e a British Airways seis. É nos aeroportos de Linate e Malpensa, em Milão, no Norte da Itália, que a influência da greve se faz sentir em maior escala.

A greve é por 24 horas e começou às 00h00 de hoje. Aos controladores aéreos juntaram-se nesta paralisação os trabalhadores de handling (aeroporto e rampa) dos aeroportos de Linate e Malpensa, que observam uma paralisação parcial, entre as 13h00 e as 17h00 locais.

As duas companhias de baixo custo já anunciaram que os passageiros afectados podem requerer a devolução do bilhete pago ou remarcar a viagem para próximo voo, desde que haja vagas. A British informou que está a reprogramar diversos voos para poder dar resposta aos passageiros de e para Itália durante o dia de amanhã.

Por enquanto não há números quanto à quantidade de passageiros afectados.

Fonte da TAP disse esta manhã ao ‘Newsavia’ que não há atrasos significativos no movimento de aviões da companhia portuguesa para e de Itália. Alguns atrasos ligeiros apenas, mas não há cancelamentos. Em Lisboa já aterraram esta manhã dois voos oriundos de Milão e o movimento seguirá normal.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica