Hi Fly faz balanço positivo de 16 voos sem plásticos descartáveis a bordo

Os primeiros voos livres de plástico descartável da Hi Fly foram realizados com sucesso, aplaudidos pelos passageiros, executivos do setor de aviação, turismo e ativistas ambientais, anunciou esta semana a companhia aérea portuguesa em Lisboa.

Durante os voos de teste de e para o Brasil no período de férias de Natal e Ano Novo, a Hi Fly, companhia aérea especialista em aluguer de aeronaves, substituiu os talheres de plástico por bambu, e utensílios e equipamentos de catering como chávenas, colheres, saleiros e pimenteiros, invólucros de roupa de cama, loiças, embalagens de manteiga individuais, garrafas de refrigerantes e escovas de dentes, por alternativas compostáveis fabricadas a partir de material reciclado.

O primeiro voo livre de plástico descartável do mundo levantou voo no dia 26 de dezembro, transportando passageiros de Lisboa para Natal, no Brasil, a bordo de um Airbus A340. Este voo foi seguido por mais três voos de teste completamente livres de plástico descartável, e uma série de 12 outros voos com partidas de Lisboa e do Porto com destino a Fortaleza, Recife, Maceió e Salvador, no Brasil, onde o uso de plástico teve uma redução significativa.

O total de 16 voos teste surgem em consequência do compromisso da Hi Fly de eliminar completamente o uso de plástico descartável em todos os seus voos até ao final de 2019.

O peso total de plástico evitado durante todos os voos teste foi de 1.500 quilogramas, adianta a Hi Fly.

A Hi Fly é uma transportadora aérea europeia, certificada pela EASA, IOSA e aprovada pela FAA que opera, a nível mundial, uma frota de Airbus A321, A330, A340 e A380 em regime de Wet Lease (fornecimento de aviões com tripulação, manutenção e seguros).

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica