Movimento do primeiro mês em Viracopos/Campinas deixa antever um bom ano

O Aeroporto Internacional de Viracopos, na cidade de Campinas, Estado de São Paulo, Brasil, começou o ano com uma alta de oito por cento no movimento de embarque e desembarque de passageiros, considerando igual mês do ano passado.

Apesar de um início de ano conturbado por causa dos cancelamentos de voos por afastamento de tripulantes de companhias aéreas motivados por casos de covid-19 ou gripe, Viracopos registou um movimento total de 888,3 mil passageiros em janeiro de 2022 face a 822,7 mil de janeiro do 2021.

Se considerados apenas os voos internacionais, a alta de movimento de passageiros em janeiro passado atingiu mais 183,68% em relação ao mesmo período do ano passado. Embarcaram ou desembarcaram pelo terminal internacional de Viracopos 50.421 pessoas ante 17.774 de janeiro de 2021.

“Mesmo com alguns cancelamentos de voos neste início de ano por parte das companhias aéreas, Viracopos mostra a sua força e sua importância nacional e consegue superar a movimentação do ano passado. Além disso, Viracopos, que já está entre os maiores e melhores Terminais de Carga do Brasil, agora também passa a figurar entre os três mais movimentados terminais de passageiros do país”, comenta o diretor de Operações de Viracopos, Marcelo Mota, em comunicado distribuído nesta quinta-feira, dia 10 de fevereiro.

 

Viracopos superou a marca de 10 milhões de passageiros em 2021

No ano passado, Viracopos superou a marca dos 10 milhões de passageiros e registou um aumento de 49,7% no movimento em relação ao ano de 2020. Embarcaram ou desembarcaram pelo terminal do aeroporto no ano passado 10.045.361 passageiros.

Com esta marca acima dos 10 milhões, Viracopos subiu no ranking dos aeroportos mais movimentados do Brasil, figurando entre os três primeiros colocados. Além disso, pela primeira vez na história, o aeroporto superou a marca de um milhão de passageiros em um mês.

A marca foi atingida após Viracopos registar em dezembro de 2021 o movimento de 1.017.188 passageiros, com alta de 28,8% em relação a dezembro de 2020. Já em dezembro de 2019, portanto antes da pandemia provocada pelo coronavírus, o aeroporto registou um movimento de 977.459 mil passageiros em dezembro.

Com isso, Viracopos superou a marca de 10 milhões de passageiros pela terceira vez em sua história, sendo 10,3 milhões de pessoas em 2015 e 10,5 milhões no ano de 2019.

Na comparação do acumulado de 2021 com o total de 2020, Viracopos recebeu o movimento de embarque e de desembarque de quase 3,3 milhões de passageiros a mais. Foram 10.045.361 ante 6.709.061 (total de 2020).

 

Ampliações no terminal

Com a elevação de demanda em 2021 e perspetiva de continuidade de crescimento de passageiros em 2022, Viracopos intensificou a ampliação de diversas áreas no Terminal de Passageiros, incluindo a reabertura do piso 2 de desembarque a meados do mês de dezembro de 2021 e a ampliação da praça de alimentação com novos restaurantes e mesas ainda no primeiro semestre de 2022.

A concessionária Aeroportos Brasil Viracopos, administradora do aeroporto, também planeia colocar em operação mais quatro pontes de embarque e desembarque no primeiro semestre de 2022 por causa da expectativa de aumento de fluxo de passageiros. Todas as pontes que serão abertas ficam no chamado Píer B (que atende voos internacionais e nacionais).

Destas quatro pontes, duas serão destinadas aos voos domésticos e as outras duas serão híbridas, ou seja, podem ser usadas eventualmente em voos domésticos ou internacionais. São elas: B11, B12, B13 e B14.

Durante o ano de 2021, a concessionária já havia colocado em operação outras cinco pontes de embarque doméstico no Píer B, sendo elas: B2, B4, B6, B8 e B10. Estas pontes de embarque já estavam com a infraestrutura pronta, mas passaram por obras de acabamento e as escadas rolantes e os elevadores foram colocados em operação. Também foi aberto no final de 2021, um segundo acesso de passageiros ao Píer B pelo hall de lojas.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica