Norwegian Air quer voar  para o Brasil e países do Índico a partir de 2016

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A companhia de baixo custo norueguesa Norwegian Air Shuttle, também designada por Norwegian Airlines, que já tem voos de longo curso para os Estados Unidos e Tailândia, anunciou ter planos para expandir a actividade intercontinental com voos de Londres, Copenhaga, Oslo e Estocolmo para o Brasil, África do Sul e outros países do Índico, a partir de finais de 2016.

Uma porta-voz da companhia, citada pela imprensa internacional, garantiu que esses destinos estão “definitivamente” na sua lista, dependendo da disponibilidade de avião.

São destinos que “seria natural” terem voos directos das capitais escandinavas, afirmou a porta-voz da Norwegian, acrescentando Londres/Gatwick, onde, disse, a low cost tem registado “um crescimento sem precedentes”.

A Norwegian anunciou na semana passada que no ano passado teve um prejuízo de 1.050 milhões de coroas norueguesas (121,7 milhões de euros), depois de sete anos consecutivos de lucros, atribuindo a perda aos encargos com hedging de combustível e desvalorização da coroa.

O balanço indica que a companhia atingiu no ano passado um aumento das receitas em 25%, para 19.540 milhões de coroas (2.265 milhões de euros), mas o seu resultado operacional (EBIT, resultado antes de juros e impostos) passou de um lucro de 969,7 milhões em 2013 para um prejuízo de 1.410,5 milhões de coroas (163,5 milhões de euros) no ano passado.

Os dados mostram, também, que o problema não esteve apenas do lado dos custos, pois a companhia teve uma quebra em 10% da receita unitária (por lugar voado um quilómetro), pela quebra em 13% do yield (preço médio pago pelos passageiros por quilómetro voado).

Estas quebras estão relacionadas com a expansão das rotas de longo curso, que levaram a um aumento da etapa média dos voos em 15%, para 1.338 quilómetros, a qual tem habitualmente associado uma queda do yield, mas o mesmo sucede do lado do custo unitário, que, no entanto, apenas baixou 1% no ano passado.

A informação da Norwegian indica que no ano passado a companhia transportou um total de 23,98 milhões de passageiros, +16% ou mais cerca de 3,27 milhões que em 2013, e que teve 82% das reservas via internet, mais dois pontos percentuais que no ano anterior.

 

  • Texto publicado pelo portal de notícias de turismo e viagens ‘PressTUR’

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

KC-390 da FAP ganha prémio mais importante em festival internacional no Reino Unido

Um avião KC-390 Força Aérea Portuguesa (FAP) foi distinguido...

Pilotos da TACV marcam greve de uma semana partir de 24 de julho

Os pilotos da TACV – Transportes Aéreos de Cabo...

Governo reuniu-se com a ANA para preparar o projeto do Novo Aeroporto de Lisboa/Luís de Camões

O ministro das Infraestruturas e Habitação e o secretário...