Polícia brasileira apreende jato executivo turco com 1.300 quilos de cocaína

A Polícia Federal do Brasil anunciou na manhã desta quarta-feira, dia 4 de agosto, que apreendeu um carregamento de 1.304 quilos de cocaína, que estava a bordo de um jato executivo no Aeroporto Internacional Pinto Martins, na cidade de Fortaleza, capital do Estado do Ceará.

Foram também detidos para apresentação às autoridades judiciais um passageiro espanhol, eventual contratante da viagem e quatro tripulantes turcos.

A apreensão decorre de uma investigação da Polícia Federal e aconteceu durante uma escala para reabastecimento em Fortaleza, no Nordeste Brasileiro. O avião tinha descolado do Aeroporto de Ribeirão Preto, no Estado de São Paulo, e tinha como destino Bruxelas, na Bélgica.

A droga estava acondicionada em 24 malas pertencentes ao passageiro espanhol. Havia 50 tabletes de droga em cada bagagem, com um total de 1.200 tabletes de cocaína. Foram apreendidos a aeronave, telefones móveis e documentos dos quatro ocupantes do avião.

A aeronave, um Gulfstream IV, matrícula TC-GVA (MSN1043), está registada pela empresa ACM Airlines, com sede no Aeroporto de Istambul/Ataturk. Anteriormente voou ao serviço do Estado Turco, tendo sido vendida para uma companhia privada de transporte aéreo executivo. O aparelho tem uma configuração de cabina executiva, com capacidade para transportar até 16 passageiros.

 

  • Foto distribuída pela Polícia Federal/Ceará (©)

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica