Portugueses repatriados de Timor-Leste chegaram neste sábado a Lisboa

O Boeing 767-300ER da Euro Atlantic Airways, que transportou 207 portugueses e quatro outros europeus de Timor-Leste para Portugal aterrou em Lisboa pelas 23h00 deste sábado, dia 4 de abril. A última etapa do voo, que começou pelas 09h00 na cidade de Díli (01h00 em Lisboa) teve a última etapa entre o aeroporto de Tbilisi, na República da Geórgia, de onde o avião partiu pelas 20h07 locais (17h07 em Lisboa) após um último reabastecimento de combustível.

Inicialmente previsto para professores portugueses que manifestaram vontade de regressar a Portugal – as aulas estão interrompidas em Timor-Leste pelo menos até final do estado de emergência – o voo acabou por partir com alguns lugares vazios.

De uma lista inicial de 217 passageiros acabaram por embarcar apenas 211: 198 adultos, 12 crianças e um bebé, revela um despacho do correspondente da agência de notícias ‘Lusa’.

O voo MMZ YU362 partiu às 09h00 deste sábado do Aeroporto Internacional Presidente Nicolau Lobato, em Díli. Fez uma escala em U-Tapoo-Rayong-Pattaya, na Tailândia, para reabastecimento de combustível e de catering e rendição de tripulação. Ao fim da tarde fez nova escala em Tbilisi para novo reabastecimento de combustível.

Mais de metade dos passageiros paga 1.300 euros pela viagem

José Pedro Machado Vieira, embaixador de Portugal em Díli, explicou à ‘Lusa’ que se tratou de uma “operação complexa”, com difíceis negociações devido às muitas restrições e espaços aéreos fechados, como medidas de resposta à pandemia da covid-19.

O diplomata destacou a “preparação intensa” do voo e sublinhou a “grande colaboração das autoridades timorenses” permitindo atingir os objetivos pretendidos: ajudar mais de duas centenas de portugueses, que assim o solicitaram, a regressar a Portugal.

“Tirámos várias dúvidas, mas num caso destes, a grande maioria compreende que vai ter que participar nos custos de um voo destes que é muito dispendioso”, explicou, questionado sobre algumas dúvidas relativas ao preço da viagem. Dos 211 passageiros a bordo, há 113 que se comprometeram a reembolsar 1.300 euros do custo da viagem ao Estado Português, refere a ‘Lusa’.

“Entre a comunidade portuguesa em geral há um sentimento de tranquilidade, de calma e o que é facto só 200 portugueses vão agora. A grande maioria fica”, notou o diplomata.

 

  • LINK notícia relacionada.
  • As fotos que mostram o Boeing 767-300ER da Euro Atlantic no Aeroporto Internacional Presidente Nicolau Lobato, na cidade de Díli, são da autoria de Hélio João Delurdes.
  • Notícia atualizada 23h30 UTC
  • Mais notícias sobre a pandemia do Novo Coronavírus/Covid-19 – LINK

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica