Primeiro Airbus A340-300 que saiu da TAP já está a ser desmontado

O primeiro dos quatro Airbus A340-300 da TAP Air Portugal que saíram no ano passado da frota da companhia portuguesa já está a ser desmontado no aeroporto espanhol de Teruel, noticiou nesta quarta-feira, dia 14 de outubro, o portal brasileiro de notícias de aviação ‘Aeroin’.

“O modelo A340 foi considerado uma das aeronaves de longo curso mais sofisticadas e modernas no início dos anos 90 e representou uma nova maneira de viajar para os portugueses”, destaca o portal, que adianta: “Destacavam-se os assentos da classe executiva, poltronas que faziam o passageiro se sentir em casa, o bar com atendimento exclusivo e também o sistema de entretenimento individual, que permitia a escolha de vários canais de vídeo e áudio, uma grande inovação para a época”.

O primeiro deles, de matrícula CS-TOA, chegou em dezembro de 1994 e foi batizado com o nome de ‘Fernão Mendes Pinto’, em homenagem ao explorador jesuíta português. Quando chegaram, as aeronaves ostentavam as antigas cores da TAP, com as clássicas faixas vermelha e verde pela fuselagem.

Agora, o A340 está sem os motores, restando apenas as carenagens do sistema de propulsão, e vai sendo desmontado aos poucos em Teruel, em Aragão, na Espanha, como mostra um registo feito pelo spotter William Musculus (LINK para a sua conta no FLICKR).

 

Fotos © William Muscullus/FLICKR

Perto do CS-TOA está o CS-TOD, o último A340 dos quatro que estiveram na companhia portuguesa. Este também está já sem os motores, como mostra a foto acima. Os outros dois A340-300 da companhia portuguesa também estão em Teruel, mas o seu estado de conservação não é conhecido, conclui o ‘Aeroin’.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica