Bem-vindo, !|Sair

Seis voos da TACV cancelados e alerta máximo no espaço aéreo de Cabo Verde

A Cabo Verde Airlines (TACV) cancelou hoje, terça-feira, dia 25 de Novembro, seis voos com partida de São Vicente devido a condições meteorológicas, na decorrência da erupção do vulcão da ilha do Fogo, noticiou a agência noticiosa cabo-verdiana Inforpress que cita fonte da companhia na ilha de São Vicente.

Dos voos cancelados com partida do Aeroporto Cesária Évora constam dois para a Cidade da Praia, dois para a ilha do Sal e mais dois com destino à Boa Vista, mas com escalas na Praia e no Sal.

A TACV não avança outros pormenores sobre a situação meteorológica e dos voos. Todavia, o presidente do conselho de administração da ASA – Aeroportos e Segurança Aérea de Cabo Verde, Mário Paixão, em declarações à rádio nacional, informou que pelas informações do Instituto de Meteorologia e Geofísica e do Centro de Toulouse, recolhidas pelos satélites meteorológicos às 06h00 de hoje, confirma-se a localização das cinzas vulcânicas “só na vizinhança imediata” do vulcão do Fogo.

“Isto é, não há nuvens médias e a altas altitudes nessa zona, sim há nuvens de gases, dióxido de enxofre (SO2) abaixo do nível de 30 mil pés, a 280 milhas da ilha no sentido norte onde desvia para a direita, para a costa africana”, explicou Mário Paixão.

Sabe-se também que o aeródromo do Fogo está fechado para voos comerciais, embora na área do aeródromo de São Filipe, como explicou a mesma fonte, a presença de cinzas vulcânicas, hoje, seja “praticamente nula” e a “visibilidade é boa”, de 10 quilómetros.

A TACV cancelou também todos os voos provenientes de São Filipe e São Nicolau devido a presença de cinzas vulcânicas na zona oeste do arquipélago que “podem causar danos graves nas aeronaves”.

Em comunicado de imprensa, a companhia aérea cabo-verdiana informa que os voos para essas ilhas só serão retomados logo que a nuvem de poeira se dissipe, uma vez que “os riscos são altos”, além de constituírem uma elevada probabilidade de acidentes.

“As cinzas vulcânicas são altamente corrosivas e podem afectar a segurança dos voos. A nuvem de poeira basáltica com partículas de enxofre, afectada por ventos na direcção sul sudeste, dirigem-se neste momento para as ilhas de São Vicente e São Nicolau”, refere o comunicado.

Em relação aos voos Internacionais afiança que continuam normalmente e que esta quarta-feira serão realizados apenas os voos entre as ilhas da Boa Vista, Sal e Praia.

A TACV assegura, por outro lado, que a Organização da Aviação Civil Internacional (ICAO) emitiu um despacho onde coloca Cabo Verde sob alerta máxima.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica