TACV retoma voos regulares entre Mindelo e Lisboa suspensos em 2017

A TACV Cabo Verde Airlines retomou nesta quinta-feira, dia 3 de fevereiro, os voos regulares na rota Mindelo (ilha de São Vicente)-Lisboa-Mindelo. Por que o voo foi realizado com um avião fretado, que como tem sido divulgado, foi alugado à companhia espanhola Privilege Style, a primeira ligação foi feita entre a capital portuguesa e a ilha de São Vicente.

O avião aterrou no Aeroporto Internacional Cesária Évora, com 60 passageiros a bordo, representando uma taxa de ocupação de 40 por cento.

Para a presidente do conselho de administração da TACV Cabo Verde Airlines, Sara Pires, trata-se de uma taxa de ocupação “normal”, tendo em conta que é o primeiro voo.

“Não é uma taxa satisfatória, mas a partir do primeiro voo, acreditamos que o número de passageiros vai aumentando. Assim aconteceu com o voo da Praia”, disse a responsável, indicando que o voo de Praia-Lisboa já acontece com 120 a 130 passageiros.

O Boeing 757-200 alugado pela companhia aérea de Cabo Verde vai pernoitar no Aeroporto Cesária Évora, estando o regresso a Portugal previsto para esta sexta-feira, dia 4,  com partida às 09h10 da manhã e com 75 passageiros, cerca de 45 por cento de ocupação.

Sara Pires declara-se confiante na melhoria, mas chama a atenção para as dificuldades que as pessoas têm no acesso ao visto, já que a representação do Centro Comum de Visto de São Vicente foi encerrada.

“Essa é uma queixa que os operadores têm apresentado, porque agora as pessoas para terem acesso ao visto têm de deslocar-se à cidade da Praia. Portanto é um dos constrangimentos que poderá estar a limitar as viagens. Mas acreditamos que já na próxima semana teremos mais passageiros”, declarou.

A TACV cancelou as suas ligações diretas para São Vicente em setembro de 2017, no âmbito da reestruturação da companhia, que seria privatizada, e com a implementação da base de operações na ilha do Sal para os voos internacionais.

Com a retirada da Cabo Verde Airlines (CVA), a TAP Air Portugal era a única companhia que fazia voos internacionais regulares a partir de São Vicente para a Europa, e o alto valor dos preços das passagens foi alvo de críticas por parte dos passageiros.

Entretanto, este voo de retoma chega a São Vicente um mês após a Cabo Verde Airlines ter reiniciado a ligação Lisboa-Praia, inserido no plano de retoma que, de acordo com a companhia, irá introduzir mais voos, gradualmente, com base na evolução da pandemia da covid-19 e a recuperação dos mercados emissores.

O plano de retoma e estabilização da CVA para o período 2022/23 foi aprovado por unanimidade na recente Assembleia-geral de acionistas e prevê voos para Boston (Estados Unidos da América), Paris (França) e Brasil, e a aquisição de três aviões em regime de leasing operacional, até 2023.

 

  • Texto baseado numa notícia distribuída pela Inforpress – Agência Cabo-Verdiana de Notícias
  • A imagem de abertura mostra o avião que está ao serviço da Cabo Verde Airlines na placa de estacionamento do Aeroporto Internacional Cesária Évora, na ilha de São Vicente. Foto © Inforpress

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica