TAP Air Portugal retomou rota direta entre a Venezuela e a ilha da Madeira

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

– Cerimónia oficial e decoração a preceito na zona de acolhimento para o voo surpreendeu os passageiros

 A TAP Air Portugal retomou nesta quinta-feira, dia 13 de junho, a rota Caracas-Madeira, ligação que, nos últimos anos, tem sido muito solicitada pelos portugueses que vivem na Venezuela, já que cerca de 80 por cento dos emigrantes que demandaram aquele país da América do Sul são originários da Madeira ou seus descendentes.

 A TAP Air Portugal retomou nesta quinta-feira, dia 13 de junho, a rota Caracas-Madeira, ligação que, nos últimos anos, tem sido muito solicitada pelos portugueses que vivem na Venezuela, já que cerca de 80 por cento dos emigrantes que demandaram aquele país da América do Sul são originários da Madeira ou seus descendentes.

A TAP passa a ter quatro ligações semanais entre Lisboa e Caracas, uma das quais escalará o Aeroporto da Madeira-Cristiano Ronaldo, na ida ou volta, até ao dia 24 de outubro deste ano.

A companhia aérea portuguesa, na primeira década deste século, chegou a ter voos diários entre Lisboa e Caracas, dois com escala na Madeira e outro na cidade do Porto, no norte de Portugal. Depois, devido a problemas de segurança na Venezuela e ao facto do Governo de Nicolas Maduro ter atrasado a transferência das receitas das companhias aéreas estrangeiras no País, foi reduzindo as frequências, ao ponto de ter contratado a Euro Atlantic para a realização de apenas dois voos semanais que acabaram por ser interrompidos, em fevereiro de 2020, após transportar o líder oposicionista Juan Guaidó e comitiva que regressava a Caracas após um périplo pela Europa. A companhia portuguesa foi acusada de “ter transportado explosivos entre Portugal e Venezuela”, supostamente transportado por um elemento da delegação de Guaidó.

No pós-covid, as relações institucionais entre Lisboa e Caracas normalizaram-se e a TAP recuperou a rota, primeiro com dois voos semanais, que passaram a três no ano passado, e a quatro este ano, com o acréscimo desta ligação, que, durante o Verão, escalará a ilha da Madeira.

Assim, entre 13 de junho e 8 de agosto, as escalas na Madeira serão no percurso de Caracas para Lisboa, já que os emigrantes procuram passar as férias na ilha, enquanto entre os dias 15 de agosto e 24 de outubro, as passagens no Aeroporto da Madeira serão no percurso de Lisboa para Caracas, facilitando o regresso direto a casa.

No voo inaugural desta nova fase das ligações aéreas diretas entre a Madeira e a Venezuela, teve lugar no Aeroporto Internacional Simón Bolívar, em Maiquetía, uma cerimónia alusiva ao ato, que foi presidida pelo general de brigada Antonio Rafael Rojas Anette, diretor-geral do IAIM – Instituto Aeroporto Internacional de Maiquetía (organismo com funções de autoridade nacional de aviação civil) e que contou com a presença do Embaixador de Portugal em Caracas, João Fins do Lago. O diplomata português realçou precisamente a importância das escalas no arquipélago da Madeira dada a origem da maioria das famílias portuguesas que vivem no País, situação que foi também abordada pelo general Rojas, com referências elogiosas à TAP e aos portugueses que contribuem para o progresso da Venezuela.

Os passageiros foram surpreendidos com uma decoração alusiva a Portugal e à Madeira junto dos balcões de atendimento para o voo, incluindo um casal de jovens com traje típico da ilha.

O voo foi realizado por um Airbus A330-900neo, matrícula CS-TUO, que na chegada a Maiquetía, às 13h00 locais, proveniente de Lisboa, foi saudado com um arco de água pelos bombeiros aeroportuários. O voo para a Madeira descolou às 15h50 locais, tendo aterrado no Aeroporto Cristiano Ronaldo nesta sexta-feira, dia 14 de junho, pelas 03h48 locais, onde desembarcou cerca de 190 passageiros. O percurso demorou 06h58. O avião prosseguiu viagem para Lisboa pelas 05h00 da manhã.

As imagens que acompanham este texto foram publicadas nas contas das redes sociais do INAM Venezuela e da Grande Missão Transportes do Governo Bolivariano.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Pilotos da TACV suspendem greve após acordo com empresa e o Governo de Cabo Verde

Os pilotos dos voos internacionais da TACV – Transportes...

Governo assegura que “não vai haver aporte do Estado” para o novo aeroporto de Lisboa

O ministro português das Infraestruturas, Miguel Pinto Luz (na...

Lisboa volta a ter voo direto para o Cairo – Egyptair retomou a rota com dois voos semanais

A Egyptair está de regresso a Portugal, tendo retomado...

CRJ-200ER despenhou-se no Nepal – Morreram 18 dos 19 ocupantes da aeronave que fazia um voo de teste

Um avião a jato bimotor CRJ-200ER da companhia nepalesa...