Bem-vindo, !|Sair

Terceirização de serviços na LATAM Brasil despede 1.300 trabalhadores

Type Rating Airbus A320 V1, Rotate, Career Up!


A LATAM Airlines Brasil (ex-TAM) confirmou nesta quinta-feira, dia 23 de agosto, que, a partir da primeira semana de setembro, toda a sua operação de rampa aeroportuária e limpeza de aeronaves (ground handling), gestão de equipamentos de solo (GSE) e atendimento a clientes com bagagens perdidas ou danificadas (lost luggage) nos aeroportos de São Paulo/Guarulhos, e do Rio de Janeiro/Galeão, passará a ser feita pela empresa ‘Orbital – WFS’, especializada nesta modalidade de serviços aeroportuários.

“A contratação do parceiro para realizar estas operações em Guarulhos e no Galeão é uma medida pontual, que se mostrou como a melhor alternativa para as necessidades da Latam Airlines Brasil neste momento”, refere um comunicado da companhia aérea, que diz que a decisão está em linha com o mercado nacional e faz parte de uma tendência mundial de contratação de serviços especializados.

A LATAM Airlines Brasil estabeleceu um sistema de gestão integrado com a ‘Orbital – WFS’ para assegurar a eficiência e a manutenção da qualidade dos serviços prestados, que incluem carregamento de bagagens, traslado de aeronaves dentro do aeroporto, limpeza de cabinas, entre outros.

A companhia informa ainda que adotou todas as medidas para que esta mudança tivesse o menor impacto possível em seus colaboradores, no entanto, haverá redução dos quadros da LATAM nos dois aeroportos. A empresa aérea diz que “abriu um processo de negociação com os sindicatos envolvidos e não está medindo esforços para realocar internamente o maior número possível de pessoas”.

As operações da LATAM serão mantidas normalmente e a medida não afeta outros aeroportos. A companhia segue atenta a todas as oportunidades para oferecer o melhor serviço para os seus clientes no Brasil e no Exterior.”

Segundo informações publicadas na imprensa brasileira a companhia irá dispensar cerca de 1.300 colaboradores como parte deste processo de terceirização dos serviços de handling aeroportuário.

O portal de notícias de turismo e aviação comercial ‘Panrotas’ refere que o Sindicato dos Aeroviários de Guarulhos (Sindigru), juntamente com a Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil da CUT (Fentac) repudia a decisão da transportadora aérea.

“Para as entidades, a terceirização da LATAM é mais um duro golpe aos direitos dos aeroviários e aeroviárias e ressaltam que exigirão da empresa que cumpra sua promessa de reaproveitar esses trabalhadores, com experiência e anos de trabalho, em outras funções na empresa”, comentam as organizações sindicais.




Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica