A380 da Emirates aterra em Acra com comandante natural do Gana

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Um avião Airbus A380 da Emirates fez nesta terça-feira, dia 2 de outubro, uma aterragem histórica no Aeroporto Internacional de Kotoka, na cidade de Acra, no Gana, república situada na África Ocidental.

Este voo, apenas programado para esta terça-feira, assinalou também a primeira chegada ao país do popular avião de dois andares, do qual a Emirates é o maior operador mundial.

O voo especial do A380 da Emirates foi operado pelo comandante Solomon Quainoo, um ganês nascido na cidade de Acra, e pelo primeiro oficial Faisal Alhammadi, natural dos Emirados Árabes Unidos.

Quando aterrou no Aeroporto Internacional de Kotoka, em Acra, a aeronave recebeu a saudação do tradicional arco de água. No terminal teve lugar uma cerimónia de boas-vindas, com a participação de uma delegação dos Emirados e outra do Gana. Seguiu-se uma visita à aeronave, aberta a membros do governo, jornalistas e agentes de viagens ganeses.

Orhan Abbas, vice-presidente de Operações Comerciais da Emirates para a África disse aos jornalistas que Acra é um destino importante em África e a Emirates continua empenhada em fornecer aos seus clientes no Gana o serviço de classe mundial que prestigia a companhia.

A Emirates iniciou suas operações no Gana em janeiro de 2004 e voa diariamente para a cidade de Acra saindo do Dubai. Cerca de 1,6 milhão de passageiros, muitos viajando na rota Dubai-Acra desde o seu início, e depois para destinos populares na China, Índia e Reino Unido através de seu hub em Dubai.

 

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

KC-390 da FAP ganha prémio mais importante em festival internacional no Reino Unido

Um avião KC-390 Força Aérea Portuguesa (FAP) foi distinguido...

Pilotos da TACV marcam greve de uma semana partir de 24 de julho

Os pilotos da TACV – Transportes Aéreos de Cabo...

Governo reuniu-se com a ANA para preparar o projeto do Novo Aeroporto de Lisboa/Luís de Camões

O ministro das Infraestruturas e Habitação e o secretário...