Aeroporto de Lisboa recebe ‘Web Summit’ e aposta na experiência biométrica

O Aeroporto Humberto Delgado/Lisboa acolhe mais uma vez a maioria dos participantes esperados na ‘Web Summit 2021’, que decorre na capital portuguesa, a partir da próxima segunda-feira, dia 1 de novembro, e até quinta-feira, dia 4. O evento acontece depois de um ano em formato virtual, devido à pandemia de covid-19.

“A Web Summit é o maior evento de referência mundial centrado no empreendedorismo, tecnologia e inovação e o Aeroporto de Lisboa a sua primeira porta de entrada”, destaca uma nota de imprensa da ANA Aeroportos de Portugal, concessionária da estrutura aeroportuária.

No contexto da inovação, os participantes poderão encontrar várias novidades, já que o Aeroporto de Lisboa acaba de lançar o Biometric Experience, um projeto-piloto que proporcionará a passageiros para destinos dentro e fora da EU, a oportunidade de testar uma nova viagem sem contacto dentro do terminal. Após o registo, os passageiros procedem à leitura biométrica, e na porta de embarque utilizam apenas o reconhecimento biométrico facial, sem necessidade de apresentarem novamente o seu cartão de embarque e passaporte/documento de identificação.

O novo processo traz mais-valias a vários níveis, uma vez que melhora a flexibilidade operacional nos voos Schengen e Não-Schengen, aumentando a capacidade operacional e ao mesmo tempo o passageiro ganha mais tempo e comodidade. A Biometric Experience baseia-se na experiência que a VINCI Airports já tinha adquirido no tema da mobilidade do futuro quando lançou em 2020, o primeiro assistente de viagens biométrico do mundo no aeroporto de Lyon-Saint Exupéry.

Desde a última edição da Web Summit, os Aeroportos ANA/VINCI têm vindo a desenvolver soluções inovadoras que irão contribuir para a experiência positiva dos passageiros, como:

  • Melhoria da informação aos passageiros com o lançamento de um serviço de atualização automática disponível em WhatsApp, Facebook e website. Os passageiros podem verificar a porta de embarque, a hora a que se inicia o embarque ou os restaurantes que estão abertos através do novo chatbot do site da ANA, assim como obter rapidamente informação sobre o aeroporto: acessibilidade, restrições ou regras operacionais.
  • Criação da nova plataforma digital – U-monitor – que regista o feedback dos passageiros em tempo real através de QR-code. O passageiro pode agora reportar eventuais anomalias que encontrar durante a sua passagem pelo aeroporto em tempo real – e o serviço foi recentemente ampliado em diversas áreas do terminal, incluindo parques de estacionamento e salas de embarque de modo a incluir todo o percurso do passageiro.
  • Aposta em sistemas avançado de desinfeção com recurso a tecnologia UV no rastreio de segurança, para os tabuleiros e objetos que passam no sistema de raios X.
  • Implementação de um sistema dinâmico para registar as emissões de carbono das aeronaves no solo com base no tempo de taxiing e no tipo de motor, entre outras variáveis. Este projeto tem sido desenvolvido de forma colaborativa entre aeroporto e companhias aéreas, que através de uma monitorização mais eficaz levará a uma significativa redução das emissões de carbono.

 

Em relação à área da Sustentabilidade, outro tema em destaque na Web Summit, a VINCI Airports apresenta a campanha ‘Mobilidade Positiva’ destacando algumas das suas principais iniciativas nesta área. Os aeroportos ANA/VINCI estão acreditados no programa de certificação voluntária de carbono da ACI – Europa: Acreditação de Carbono de Aeroportos (ACA). Atualmente todos os aeroportos portugueses estão no nível 2 da ACA “redução” e irá apresentar a candidatura ainda este ano nível 4, o nível mais elevado desta acreditação.

O Aeroporto de Lisboa conseguiu entre 2018 e 2019 uma redução das suas emissões de carbono de cerca de 25%. Para esta redução tão significativa contribuíram diversas iniciativas, entre as quais a substituição da iluminação convencional por LED, a instalação de 96 postos de carregamento para veículos elétricos (passageiros e staff) e a renovação, em curso, da frota da empresa para veículos elétricos.

O investimento efetuado e a estratégia desenvolvida em prol da modernização dos processos e na melhoria contínua da nova experiência do passageiro pós-pandemia levaram a ANA-VINCI a receber várias certificações e prémios, sendo a mais recente esta semana com a atribuição de ‘Highly Commended’ aos Aeroportos de Lisboa e do Porto na 17ª edição dos Prémios da ACI (Airports Council International).

Como empresa parceira da Web Summit 2021, a ANA- VINCI preparou um espaço dedicado para a acreditação para os participantes da Conferência na área de chegadas do Aeroporto de Lisboa. Este espaço, disponibiliza 30 balcões de atendimento, abriu neste sábado, dia 30 de outubro, das 06h30 às 23h00 e até às 15h00 do dia 2 de novembro.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica