Bem-vindo, !|Sair

Aeroportos brasileiros premiados devem potenciar desejada qualidade de serviço

O Aeroporto Internacional Afonso Pena, em Curitiba, foi escolhido o melhor da Copa do Mundo na escolha dos passageiros. Foi o grande vencedor da segunda edição do Prémio Boa Viagem, entregue nesta quarta-feira, dia 27 de Agosto, pela Secretaria de Aviação Civil e pela Embratur. O prémio é um reconhecimento aos aeroportos que prestaram o melhor serviço aos clientes durante a Copa do Mundo.

“Não queremos apenas olhar para trás e dizer que fizemos bonito na Copa. Queremos pegar o que fizemos de bonito na Copa e incorporar ao nosso dia a dia, para que a qualidade do serviço prestado nos aeroportos brasileiros seja bom sempre”, destacou o ministro-chefe da Aviação Civil, Moreira Franco.

Quatro aeroportos foram agraciados em oito categorias no concurso deste ano: além de Curitiba, receberam o troféu os aeroportos de Confins (Belo Horizonte), Brasília e Congonhas (São Paulo).

Além de melhor aeroporto, o Afonso Pena ganhou em duas categorias: melhor ambiente aeroportuário e melhor restituição de bagagem. Congonhas, em São Paulo, levou o prémio de melhor check-in e melhor inspeção de segurança. Confins, que na primeira edição do prémio venceu em quatro categorias, neste ano foi escolhido em duas: melhor atendimento ao turista, numa votação pela internet, e melhor nos serviços de controlo de fronteira e estrangeiros – esta última também premiada em 2013. O aeroporto já havia sido concedido ao consórcio ‘BH Airport’ durante a Copa, mas ainda estava sob controle da Infraero.

O Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, na capital federal, é o primeiro aeroporto concedido a figurar entre os ganhadores do prémio, vencendo na categoria controlo aduaneiro. No ano passado, ganhou o voto popular de melhor atendimento ao turista.

O prémio foi criado em 2013 para estimular a melhoria da prestação de serviços nos aeroportos brasileiros e, em consequência, aumentar o nível de satisfação dos passageiros. “Nossa ideia era fazer com que cada funcionário pudesse sentir-se responsável pelo sucesso da operação do aeroporto”, disse o ministro da Aviação Civil, Moreira Franco. “Era fundamental implantar uma cultura do mérito no sistema de aviação civil. Isso está dando resultados muito positivos, vide o sucesso dos aeroportos na Copa.”

Na edição deste ano foram feitas 11.984 entrevistas com passageiros entre os dias 4 e 21 de Junho nos seguintes aeroportos: Manaus, Salvador, Recife, Confins, Guarulhos, Congonhas, Galeão, Santos Dumont, Fortaleza, Natal, Brasília, Cuiabá, Porto Alegre, Curitiba e Viracopos.

 

Lista dos aeroportos vencedores em cada categoria

Melhor aeroporto:

– Internacional Afonso Pena (Curitiba, Infraero)

Melhor ambiente aeroportuário:

– Internacional Afonso Pena (Curitiba, Infraero)

Melhor controle aduaneiro:

– Internacional Juscelino Kubitschek (Brasília, Inframérica)

Melhor check-in:

– Congonhas (São Paulo, Infraero)

Melhor inspeção de segurança:

– Congonhas (São Paulo, Infraero)

Melhor restituição de bagagem:

– Internacional Afonso Pena (Curitiba, Infraero)

Melhor controle aduaneiro:

– Internacional Tancredo Neves (Confins, Infraero e concessionária BH Airport)

Melhor atendimento ao turista:

– Internacional Tancredo Neves (Confins, Infraero e BH Airport)

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica