Air France apresenta primeiro Airbus A220-300 com pintura final – com vídeo

O primeiro Airbus A220 fabricado para a Air France deixou recentemente a oficina de pintura da fábrica em Mirabel, perto de Montreal, no Canadá, onde o aparelho foi montado. Foram distribuídas as primeiras imagens do avião já com as cores da Air France, nomeadamente o cavalo marinho alado, o símbolo histórico e mais icónico da companhia francesa e que surge na frente da fuselagem.

A Air France receberá no final do próximo mês de setembro o primeiro dos 60 Airbus A220-300 que encomendou para substituir os seus Airbus A318 e A319 na rede de curto e médio cursos, nomeadamente na Europa e norte de África.

Como é fabricado com materiais compósitos mais leves, o Airbus A220 utiliza menos 20% de combustível do que os aviões da geração anterior, e tem uma pegada de ruído reduzida de 34%. Desempenhará um papel decisivo na realização dos objectivos de desenvolvimento sustentável da Air France, incluindo uma redução de 50% nas emissões de CO2 em termos absolutos na rede doméstica a partir de Paris-Orly e nas rotas inter-regionais até 2024 (comparado com 2020), e uma redução de 50% nas emissões de CO2 por passageiro/km até 2030 (comparado com 2005).

 

Tripulantes estão a ser formados para o novo Airbus A220-300

Antes de chegar a Paris para integrar a frota da Air France, o avião será submetido a uma série de testes em terra e em voo. Após a chegada, será utilizado durante mais de um mês para treinar as tripulações de voo da companhia aérea francesa, algumas das quais iniciaram o chamado processo de ‘classificação de tipo’ no Verão passado.

Como acontece com todos os novos tipos de aeronaves que entram na frota, a companhia criou dois grupos principais, um constituído por pilotos e outro por assistentes de bordo. Estes tripulantes já qualificados serão então responsáveis pela formação dos seus colegas no âmbito de programas internos validados pelas autoridades.

Em setembro do ano passado, oito pilotos instrutores participaram num curso de formação teórica e prática de oito semanas no centro de formação da Airbus em Montreal. Estão atualmente a treinar os seus colegas – incluindo outros 28 instrutores que completam a equipa de lançamento dos pilotos – nomeadamente utilizando um Simulador de Voo Completo (FFS) montado em macacos, e instalado no centro de simulação de voo da Air France em Paris-Charles de Gaulle. Assim que a Air France receber o primeiro avião, este treino em simulador será complementado por aproximadamente 20 voos em condições reais, com vista a obter a classificação do tipo A220-300. Perto de 700 pilotos da Air France serão eventualmente qualificados nesta aeronave.

O mesmo sistema está a ser utilizado para tripulações de cabina, com 14 assistentes de bordo formados em Zurique (Suíça) entre setembro e dezembro de 2020. Estão atualmente a finalizar os manuais e conteúdos da formação que eles próprios assumirão a partir de setembro próximo. O grupo principal selecionou e treinou outro grupo de 37 assistentes de bordo para completar o treino prático de voo das tripulações de cabina assim que o A220 entrar em serviço. A companhia espera certificar um total de 2.500 tripulantes de cabina no novo avião, durante os cursos de formação que decorrerão a partir de setembro na sua academia de formação nos arredores de Paris-Orly.

Os Airbus A220 da Air France poderão transportar até 148 passageiros numa configuração de cabina 3-2. Cada lugar será equipado com portas USB tipo A e tipo C e todos os passageiros terão acesso ao Wi-Fi a partir dos seus dispositivos pessoais.

 

  • Veja a seguir um vídeo que foi disponibilizado pela Air France, que mostra fases da pintura exterior do primeiro Airbus A220-300 da companhia:

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica