Azul aumenta e diversifica oferta em Manaus com aeronaves de menor capacidade

A AZUL Linhas Aéreas Brasileiras anunciou nesta segunda-feira, dia 24 de agosto, a ampliação da sua oferta de voos a partir de Manaus, capital do Estado Amazonas, no norte do Brasil, com sua nova subsidiária sub-regional, a Azul Conecta.

As cidades de Parintins e Coari, que contavam com voos às segundas, quartas e sextas, terão uma operação diária já a partir desta terça-feira, dia 25. As frequências serão cumpridas com as aeronaves Cesna Gran Caravan, com capacidade para até nove passageiros.

No mês de setembro, a Azul deve disponibilizar 407 voos por dia para 88 destinos no Brasil e no exterior. A malha planeada para o próximo mês alcança 45% da capacidade operada pela empresa antes da pandemia e representa um crescimento de 570% na malha de 70 voos que foi operada em abril, no momento mais crítico da crise.

 

Visando fortalecer sua vocação regional, a Azul lançou, no início do mês em São Paulo, a Azul Conecta, a nova subsidiária da companhia. Fruto da aquisição da TwoFlex, a Azul Conecta tem como objetivo desenvolver a aviação sub-regional no Brasil, alcançando cidades e comunidades menores e conectando as regiões à malha de voos domésticos e internacionais da Azul. Com atuação em 36 destinos no país, a Azul Conecta tem uma frota composta por 17 aeronaves Cesna Gran Caravan, um turboélice regional monomotor com capacidade para até nove passageiros.

 

A Azul reforçou a limpeza de suas aeronaves a cada voo e à noite, seguindo os protocolos sugeridos pela IATA. A companhia também foi a primeira do país a tornar obrigatório o uso de máscaras por tripulantes e passageiros, tanto a bordo quanto em terra. Em outra iniciativa pioneira, a Azul passou a medir a temperatura dos tripulantes a cada início de turno, aumentando a confiança em terra e a bordo e preservando a vida e a segurança de todos.

 

  • Foto © AZUL/Luís Alberto Neves

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica