Azul em compasso de espera reduz frotas ATR e Embraer

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Azul Linhas Aéreas Brasileiras vai reduzir o seu movimento, através da suspensão de algumas rotas e da devolução de alguns aviões turbo-hélices ATR e Embraer que se encontram na sua frota em sistema de leasing. A notícia foi confirmada na semana passada pelo presidente executivo da companhia aérea, Antonoaldo Neves, que justifica a decisão com a fraca ocupação de algumas das linhas regulares da empresa, face ao clima de recessão económica que se vive no Brasil.

Mesmo assim, Antonoaldo Neves prevê que a ocupação dos aviões da companhia aumentará cerca de quatro por cento em relação ao ano passado. Contudo, a Azul tinha feito previsões muito otimistas e colocou no mercado uma oferta superior em 15% face ao número de lugares disponíveis nos seus aviões.

O presidente da Azul, que falava aos jornalistas na cerimónia de apresentação do primeiro Airbus A330-200 com interiores totalmente remodelados para o desenho exclusivo da companhia para as suas viagens de longo curso, mostrou-se esperançado de que esta fase menos boa do transporte aéreo no Brasil, em termos de demanda, irá passar rápido, e que a Azul saberá ultrapassá-la sem grandes sobressaltos. A companhia está a preparada para enfrentar este período menos bom e está atenta às oportunidades do mercado.

Em termos internacionais a Azul já suspendeu o início dos voos de Guarulhos/São Paulo para a Florida e a nova ligação de Campinas/São Paulo para Nova Iorque. “A Azul vê recuperação moderada no segundo semestre, mas com cautela, tendo em vista a base de comparação fraca do ano passado”, comentou o executivo, citado pelo canal informativo ‘Globo’.


Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

GOL obtém autorização para subscrever empréstimo de um bilhão de dólares para evitar bancarrota

A GOL Linhas Aéreas, companhia aérea brasileira que passa...

João Carlos Pó Jorge exonerado das funções de diretor-geral da LAM – Linhas Aéreas de Moçambique

O Conselho de Administração das Linhas Aéreas de Moçambique...

Incidente com Airbus A320 da TAP na Dinamarca origina alteração de ‘software’ de motores

As autoridades dinamarquesas recomendaram a alteração de software utilizado...

SITAVA diz que a TAP excluiu o pessoal de terra dos novos acordos de empresa já negociados

O Sindicato dos Trabalhadores da Aviação e Aeroportos (SITAVA)...