Bem-vindo, !|Sair

Beechcraft King Air caiu em Pampulha (MG) – Morreram os três ocupantes

Um avião ligeiro Hawker Beechcraft C90 GTi King Air, registo PR-ABG, caiu no domingo, dia 7 de Junho, após a descolagem do Aeroporto Carlos Drummond de Andrade, na Pampulha, cidade de Belo Horizonte, no estado brasileiro de Minas Gerais, provocando a morte dos três ocupantes, dos quais dois pilotos e um agente policial.

Segundo informação publicada nesta segunda-feira pelo jornal ‘Estado de Minas’ a aeronave com dois motores turbo-hélices, saiu do aeroporto pelas 15h20 locais, tendo iniciado a subida. Por razões que se desconhecem perdeu altitude e caiu quase na vertical sobre uma garagem de uma casa particular no Bairro da Minaslândia, na região norte da cidade, explodindo de imediato.

Pilotos morrem em BH em_com_br

Da esquerda para a direita: piloto Carlos Eduardo Abreu, agente policial Gustavo de Toledo Guimarães e comandante Emerson Thomazine.

Segundo o Corpo de Bombeiros do aeroporto, a aeronave era pilotada por Emerson Thomazine, de 43 anos, de São Paulo. O copiloto era Carlos Eduardo Abreu, de Piumhi, no Centro-Oeste do estado. Gustavo de Toledo Guimarães, de 38, da Polícia Civil, trabalhava no hangar da corporação e viajava de carona.

Refere o ‘Estado de Minas’ que de acordo com o Registro Aeronáutico Brasileiro, o bimotor estava com a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) e o Certificado de Aeronavegabilidade (CA) em dia. O primeiro tinha data de validade de 30 de janeiro de 2016. Já o CA tinha validade de 16 de julho de 2020. O avião era operado pela Atlântica Exportação e Importação, empresa especializada em grãos de café cru. A empresa faz parte da Montesanto Tavares, uma holding mineira que já foi dona das marcas ‘Café Três Corações’ e ‘Sucos Mais’ – as duas foram vendidas para grupos internacionais. A propriedade da aeronave é de um banco.

Testemunhas do acidente dizem ter visto o aparelho a subir muito na vertical que até parecia um avião de acrobacias. Depois começou a perder altitude, em jeito de parafuso, até cair na vertical.

O jornal ‘Estado de Minas’ publica uma extensa reportagem gráfica, com fotografias exclusivas da produtora Cássia Sodré que no terraço da sua casa registou imagens do avião sinistrado a cair.

No local onde o King Air caiu diversos moradores seguiram visualmente a queda do avião, vendo a aeronave a se aproximar perigosamente contra as suas casas. A queda não provocou danos pessoais em terra.

 

  • Foto de entrada é da autoria de Rodrigo Clemente/Estado de Minas/D. A. Press
  • As fotos dos pilotos e do agente policial foram reproduzidas do jornal ‘O Estado de Minas

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica