Boeing suspende as entregas de aparelhos 787 por problemas na fuselagem

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Boeing voltou a suspender as entregas dos aviões do modelo 787 de longo curso, que já estiveram parados, por questões técnicas, vários meses, em 2021 e 2022, para fazer análises adicionais num componente da fuselagem, revelou nesta quinta-feira, dia 23 de fevereiro, a Administração Federal de Aviação (FAA) dos Estados Unidos da América.

“As entregas não serão retomadas até que a FAA esteja convencida de que o problema foi resolvido”, informou a agência norte-americana numa nota enviada à AFP.

Nos últimos anos, os aviões 787 têm enfrentado vários problemas, como defeitos de fabrico descobertos no final do verão de 2020.

A Boeing suspendeu as entregas, inicialmente de novembro de 2020 a março de 2021 e depois entre maio de 2021 e agosto de 2022, tendo diminuído a produção.

Depois de as entregas terem sido retomadas no verão passado, a Boeing entregou 31 aviões em 2022, incluindo 22 no quarto trimestre, tendo a United Airlines anunciado, em dezembro, planos para encomendar 100 aviões 787, com opção de mais 100. No entanto, em janeiro, a Boeing entregou apenas três. O objetivo da Boeing para este ano é entregar 70 aviões.

Os problemas detetados, adiantam especialistas do setor aeronáutico, relacionam-se com alguns dos compósitos que são utilizados no fabrico das seções da fuselagem das aeronaves deste tipo.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

TAP Air Portugal retomou rota direta entre a Venezuela e a ilha da Madeira

– Cerimónia oficial e decoração a preceito na zona...

TAP Air Portugal terá 95 voos semanais para o Brasil no mês de julho

Uma delegação da TAP Air Portugal, liderada pelo seu...

Teste de táxi aéreo elétrico pode definir novo tipo de transporte para peregrinos do Hajj, na Arábia Saudita

Num movimento histórico, a Arábia Saudita conduziu com sucesso...