Canadá, Suécia, Ucrânia e Reino Unido denunciam o Irão por abate de avião comercial

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

Os ministros dos Negócios Estrangeiros do Canadá, Suécia, Ucrânia e Reino Unido anunciaram nesta segunda-feira, dia 8 de janeiro, que iniciaram junto da Organização Internacional da Aviação Civil (OIAC) um processo de arbitragem contra o Irão pelo abate do avião PS752 em 2020.

“É mais um passo no caminho para a transparência, a justiça e a responsabilidade pelo abate ilegal por parte do Irão do voo da Ukraine International Airlines 752, que matou 176 pessoas”, declararam num comunicado.

“Durante quatro anos, o Irão negou-se a assumir a sua total responsabilidade”, sublinharam.

Por essa razão, decidiram recorrer à OIAC, com o argumento de que o Irão “utilizou armas contra um avião civil em voo, violando as suas obrigações jurídicas internacionais, nos termos do artigo 3A da Convenção sobre a Aviação Civil Internacional”.

O voo comercial entre Teerão e Kyiv, capital da Ucrânia, foi abatido pouco depois da descolagem da capital do Irão há exatamente quatro anos, a 8 de janeiro de 2020, alegadamente por um erro das defesas antiaéreas daquele país.

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

American encomenda 260 aviões à Airbus, Boeing e Embraer com mais 193 opções de compra

A American Airlines anunciou nesta segunda-feira, dia 4 de...

Portway e SINTAC assinam acordo de empresa

A Portway Handling de Portugal assinou com o SINTAC...

Portugueses viajam mais e escolhem a Madeira e Cabo Verde para as férias da Páscoa

Os portugueses estão a comprar mais viagens neste início...

JetBlue desiste da compra da Spirit, um projeto que não tinha o acordo das autoridades reguladoras

A companhia aérea norte-americana JetBlue, que foi fundada pelo...