Cessna 208 Caravan cai após largar 14 paraquedistas – Piloto morreu

Um avião ligeiro Cessna 208 Caravan I, matrícula D-FIDI, que estava ao serviço clube de paraquedismo ‘GoJump’, caiu na tarde desta terça-feira, dia 10 de setembro, pelas 15h30 locais, quando se preparava para aterrar no Aeródromo de Gransee, a 70 quilómetros de Brandemburgo, na Alemanha.

O aparelho tinha acabado de largar um grupo de 14 paraquedistas e estava a fazer a aproximação de regresso ao aeródromo, quando, por circunstâncias desconhecidas, caiu.

A bordo seguia um piloto de nacionalidade alemã, com 31 anos de idade, único ocupante da aeronave, que morreu no acidente.

Não foi revelada a nacionalidade dos paraquedistas que pousaram normalmente. O clube, ao serviço do qual estava o aparelho acidentado, é muito conhecido na zona, pela sua atividade, nomeadamente recreativa, para quem quer saltar com a ajuda de um paraquedista brevetado.

O avião foi construído em 1999. Tinha, portanto, 20 anos de serviço, e segundo fontes do clube, estava em boas condições técnico-operacionais e tinha todos os certificados válidos.

Uma equipa do departamento federal de investigação de acidentes aéreos recolheu perícias junto dos destroços da aeronave para o inquérito que está a seguir para apuramento das causas do sinistro.

 

 

  • Foto © Joseolgon/Aviaton-safety.com

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica