Bem-vindo, !|Sair

Companhias de baixo custo alavancam tráfego no Porto

O Aeroporto Francisco Sá Carneiro, na cidade do Porto, Norte de Portugal, finalizou o primeiro semestre com um crescimento de passageiros da ordem dos 16,8%, que equivale a um aumento de 529 mil, a maioria dos quais em voos da Ryanair, que teve mais 311,1 mil, e, seguidamente, em voos da EasyJet, que em 26 de Março inaugurou uma base no Francisco Sá Caneiro, com mais 101,4 mil clientes transportados.

Entre as companhias que mais se destacaram pelos aumentos em valor absoluto contaram-se ainda a Transavia France, low cost do grupo Air France/KLM, com mais 48,8 mil, a Vueling, do IAG, com mais 34,2 mil, e a Swiss, do grupo Lufthansa, com mais 32,3 mil, a que somou ainda o transporte de 41,3 mil passageiros em voos da Air Europa, que no primeiro semestre de 2014 ainda não tinha voos de/para o Porto.

No pólo oposto, com a maior queda do semestre, esteve a TAP, com menos 71,6 mil passageiros, em grande parte pelo impacto da greve de Maio do SPAC, de que o Porto foi o aeroporto mais afectado, mas não só, porque ainda em junho voltou a ter a maior queda do mês, em 13,6 mil passageiros.

As outras quedas mais fortes foram da White, companhia charter portuguesa que este ano tem uma operação mais reduzida, com menos 8,8 mil passageiros, SATA Internacional, com menos 3,4 mil, Aigle Azur, com menos 2,7 mil, Tunisair, com menos 1,3 mil, e TAAG, com menos 1,2 mil.

Apesar de registar a maior queda em valor absoluto e um decréscimo em 8,4%, a TAP, com 781,2 mil passageiros, correspondentes a 21,2% do total do Aeroporto do Porto, manteve-se a segunda maior companhia em voos de/para a Cidade do Porto, atrás da Ryanair, que alcançou 40,3% do total do semestre, com 1,48 milhões de passageiros, +26,6% que no primeiro semestre de 2014.

A EasyJet também com um aumento em 26,6%, para 482,8 mil passageiros, alcançou uma quota de mercado de 13,1%, e o Top5 do semestre encerra com a Transavia France, com 206,9 mil passageiros (+30,9%) e uma quota de 5,6%, e Lufthansa, com 155,5 mil (+1,8%) e uma quota de 4,2%.

As seguintes cinco maiores companhias foram a Vueling, com 104,5 mil passageiros (+48,7% que no primeiro semestre de 2014) e uma quota de 2,8%, a Air Nostrum, com 60,9 mil (+9,1%) e uma quota de 1,7%, a Aigle Azur, com 53,6 mil (-4,9%) e uma quota de 1,5%, a SATA Internacional, com 53,3 mil (-6%) e uma quota de 1,5%, e a Swiss, com 42,3 mil (+191,4%) e uma quota de 1,3%.

 

  • Matéria publicada pelo ‘PressTUR’, parceiro editorial do ‘Newsavia’ em Portugal

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica