Bem-vindo, !|Sair

David Neeleman compra 32% da companhia francesa Aigle Azur


 

O Grupo Weaving (ex-GoFast) vendeu a sua participação no capital da companhia aérea francesa Aigle Azur a David Neeleman, o empresário norte-americano que também tem nacionalidade brasileira, fundador e acionista da Azul Linhas Aéreas Brasileiras e, mais recentemente, sócio da TAP Air Portugal, através do consórcio ‘Atlantic Gateway’ que detém 45% do capital da companhia aérea portuguesa.

O anúncio foi feito nesta quinta-feira, dia 16 de novembro, em Paris, e assinala a entrada de David Neeleman em mais uma empresa de transporte aéreo na Europa, depois da portuguesa TAP, em 2015.

O fundador da Azul terá uma participação minoritária (32%) mas contará entre os seus sócios com o grupo chinês HNA – Hainan Airlines (48%), com quem já tem negócios desde há alguns anos, e que, será naturalmente, seu aliado, até pela histórico do relacionamento entre ambos. O Grupo HNA é acionista da Azul (22%) e, indiretamente, da TAP (cerca de 2,5%) por via da sua participação no consórcio ‘Atlantic Gateway’, onde detém 45% das ações. As restantes pertencem ao empresário português Humberto Barbosa e a David Neeleman.

O comunicado distribuído pelo Grupo Weaving releva as declarações do seu presidente Meziane Idjerouidene: “Durante 16 anos o nosso Grupo esteve ao lado de Aigle Azur. Com todo o pessoal da empresa, a quem agradeço, podemos orgulhar-nos dos sucessos coletivos. O Grupo GoFast tornou-se o Grupo Weaving em 2017, participando de uma diversificação das suas atividades, e anunciou a venda da sua participação na Aigle Azur. O nosso requisito era duplo na seleção do novo parceiro: por um lado, dar à empresa novas formas de escrever uma nova página em seu histórico; por outro lado, confiar em um novo acionista que conheça perfeitamente o setor e que possa assegurar a continuidade da empresa. Essas condições agora estão satisfeitas. Esta é uma boa notícia para a Aigle Azur, para os seus clientes, bem como para os seus funcionários”.

A Aigle Azur tem uma presença histórica de destaque na aviação comercial europeia. Foi fundada em 1946 e é, presentemente a mais antiga companhia aérea privada de França e da Europa. Já passou por diversas fases ao longo da sua existência. Em 2001 a sua frota tinha um único avião ao serviço, quando foi comprada pelo Grupo GoFast (depois Grupo Weaving), conectado com interesses económicos de países francófonos do Norte de África. Primeiro liderado por d’Arezki Idjerouidene, e depois por seu filho Meziane Idjerouidene, o Grupo GoFast conseguiu fazer renascer a Aigle Azur, afirmando-a como a segunda maior companhia aérea de bandeira francesa.

Em 2010 a família Idjerouidene resolveu abrir o capital da empresa aérea, tendo como objectivo concorrer no segmento de longo curso. Em 2012 deu-se a entrada do Grupo HNA que adquiriu 48% das ações. Em 2016 o grupo Lu Azur, liderado pelo empresário francês Gérard Houa, adquire 20%, em novo aumento de capital, restando ao Grupo Weaving os 32% que agora vendeu a David Gary Neeleman. Da história do empresário que fundou a Azul, todos conhecemos um pouco. Resumidamente fundou quatro companhias aéreas: Morris Air, WestJet, JetBlue e Azul. Em 2015 associou-se à TAP Air Portugal. No próximo ano poderá voltar a ser notícia, a liderar um novo projeto de transporte aéreo nos Estados Unidos da América.

Para já sabemos que a teia de interesses no transporte aéreo, tendo como epicentro Neeleman é mais global: Azul, United Airlines (detém 5% da Azul), Grupo HNA, TAP Air Portugal e Aigle Azur, estas últimas pelas razões atrás explicadas.

 

Faça parte da nossa comunidade - Descarrega já a app NewsAvia

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica