Bem-vindo, !|Sair

Delegação da Boeing no Irão em viagem de negócios

Após a Airbus e a ATR segue-se a Boeing e, possivelmente, a Embraer e a Bombardier, na lista das aquisições de aeronaves por parte das companhias aéreas do Irão.

Fontes do governo iraniano anunciaram que o acordo para compra de 118 aviões comerciais Airbus para a Iran Air, companhia de bandeira do país e formada por capitais públicos, está praticamente concluído e que no próximo mês de maio poderão estar fechadas as negociações que levaram ao anúncio do memorando de entendimento entre as partes, aquando da visita do Presidente da República Islâmica do Irão a França, em janeiro passado. Poucos dias antes, em visita a Itália, a comitiva presidencial iraniana também assinou um compromisso para adquirir 20 aviões ATR novos para transporte de passageiros em linhas regionais.

Agora será possível encarar com mais calma uma nova fase de negociações para aquisição de aeronaves destinadas às companhias comerciais do país. A agência noticiosa pública IRNA deu conta de que nesta semana esteve em Teerão uma equipa de responsáveis da Boeing que mantiveram reuniões com responsáveis pelas empresas aéreas nacionais, tendo em vista uma “possível cooperação”.

March Ali Abedzadeh, presidente da Autoridade Nacional de Aviação Civil do Irão, confirmou a intenção do governo do seu país de adquirir aviões à Boeing, enquanto a construtora aeroespacial norte-americana tem admitido contatos, que diz serem de estudo e planeamento das frotas das companhias iranianas, mas nunca falando sobre a venda de aviões a Teerão.

Outras notícias reveladas recentemente apontam para a próxima aquisição de aviões de passageiros, usados, da Embraer e da Bombardier, que poderão chegar às companhias regionais do Irão através de contratos de leasing com empresas internacionais que se dedicam a esse mercado.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica