Bem-vindo, !|Sair

Força Aérea do Egito compra 24 caças-bombardeiros Rafale

A construtora aeronáutica francesa Dassault Aviation ganhou o primeiro contrato da República Árabe do Egito que passará a equipar a sua Força Aérea com os novos Rafale, num total de 24 aeronaves. O contrato será assinado hoje, segunda-feira, dia 16 de Fevereiro.

A decisão do governo do Cairo é assinalada pela Dassault como a continuação da cooperação que se iniciou com o país árabe nos anos 70 do século passado e que levou os Mirage 5, os Alpha Jet e os Mirage 2000 a voarem com as cores do Egito. Os Rafale vão de encontro às necessidades de países, como o Egito, que tradicionalmente mantêm as suas forças aéreas no mais alto nível, refere a fábrica francesa em comunicado.

Air14_075_AndreGarcez

“Agradeço às altas autoridades egípcias pela sua parceria estratégica e histórica. A Dassault Aviation manterá a mesma posição de sempre e que tem merecido a confiança dos nossos parceiros”, declarou Eric Trappier, presidente executivo da Dassault Aviation, que acrescentou: “Quero também agradecer às autoridades francesas, que estiveram por detrás do Programa Rafale, e que providenciaram o apoio político, sem o qual nós não poderíamos concretizar estas exportações de equipamento militar. Quero também agradecer a competência e know-how das sete mil pessoas que trabalham no Programa Rafale na Dassault Aviation, Thales, Safran e nos nossos 500 subcontratados”.

O Rafale é o primeiro caça-bombardeiro capaz de intervir em todas as missões que podem ser atribuídos a este tipo de equipamento militar aéreo (ar-ar, ar-terra e ar-mar). Começou a sua actividade nas Forças Armadas Francesas, na Marinha e a Força Aérea que nos anos de 2004 a 2006 substituíram seis tipos de aviões de guerra de anteriores gerações. Foi lançado em cenários de guerra no Afeganistão (2007-2012). Líbia (2011) e na faixa de Sahel-Saharan (desde 2013) e no Iraque (desde Setembro de 2014).

Rafale_007_AndreGarcez

 

O novo caça francês foi também escolhido pelas Forças Armadas da Índia que pretende adquirir 126 aparelhos. Atualmente decorrem negociações com diversos governos com vista ao fornecimento de mais aviões Rafale.

A Dassault Aviation produz aeronaves de uso militar – Rafale e drones – e de uso civil – os bem conhecidos executivos Falcon – na mesma fábrica em França, em Saint-Cloud. Nos últimos 50 anos, a Dassault Aviation exportou cerca de 72% das unidades produzidas para mais de 90 países.

 

Fotos : André Garcez / NewsAvia

 

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica