Governo de Madrid avaliza empréstimos de emergência à Plus Ultra no total de 53 milhões

O Governo espanhol aprovou na última reunião do Conselho de Ministros um auxílio de emergência de 53 milhões de euros para salvar a companhia espanhola Plus Ultra Líneas Aéreas.

Trata-se de um pacote financeiro dividido por dois empréstimos, avalizados pelo executivo de Madrid, que autorizou esta nova operação de apoio à aviação comercial espanhola através do Fundo de Apoio à Solvabilidade das Empresas Estratégicas, gerido pela Sociedad Estatal de Participaciones Industriales (SEPI).

A ministra dos Transportes, em conferência de imprensa, na terça-feira, dia 9 de março, sublinhou que as razões que contribuíram para este apoio são: a contribuição da companhia aérea para o turismo e, portanto, para a economia; e o facto da Plus Ultra Líneas Aéreas empregar diretamente 345 pessoas e, indiretamente, 2.500 trabalhadores nas empresas fornecedoras e de serviços utilizados pela empresa de transporte aéreo.

Desde outubro do ano passado que a empresa tem mantido conversações contínuas com o Fundo de Apoio criado para resolver pedidos de ajuda temporária e submeteu todos os requisitos para a aprovação do plano de viabilidade. Em dezembro, teve início uma fase de revisão mais intensiva e nas últimas semanas a equipa de gestão da Plus Ultra Líneas Aéreas e os consultores da entidade pública reuniram-se em várias ocasiões, até chegar ao momento da concessão da ajuda solicitada.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica