Bem-vindo, !|Sair

Helicópteros militares EC725 fizeram primeira inspecção na Helibras

Os três primeiros helicópteros do modelo EC725 entregues a cada um dos três ramos das Forças Armadas brasileiras em 2010 foram recebidos no primeiro semestre na oficina de manutenção da fábrica da Helibras, em Itajubá (Estado de Minas Gerais), para a realização da sua primeira inspeção intermediária A/T.

Esse tipo de inspeção ocorre a cada 1.200 horas de voo, ou após 36 meses de operação, e segue o cronograma de acordo com as especificações do manual de manutenção das aeronaves.

Antes mesmo das aeronaves completarem o período previsto no manual, uma equipa da Helibras foi enviada para a fábrica da Airbus Helicopters na França, para acompanhar um trabalho de inspeção desse modelo. Em seguida, especialistas franceses vieram ao Brasil para acompanhar os trabalhos dos técnicos brasileiros nas primeiras inspeções. A área da oficina de Itajubá foi ampliada em 100% a fim de receber um numero maior de aeronaves, em especial as de grande porte. Nessa preparação, e na aquisição de novos ferramentais necessários à actividade, foram investidos cerca de 3 milhões reais (cerca de um milhão de euros).

As inspeções objetivam uma duração de 11 semanas para a execução do roteiro, solução de discrepâncias e testes de pista/aceitação dos clientes. “Esse prazo evidencia as competências adquiridas pela equipe de manutenção a partir dos treinamentos realizados e garante que a Helibras poderá executar essas inspeções em todos os EC725 que estão sendo produzidos no Brasil”, afirma Flávio Pires, vice-presidente de Suporte e Serviços da empresa.

Ao assimilar a capacitação de manutenção das aeronaves EC725, a Helibras reafirma o compromisso da empresa e da Airbus Helicopters com o cumprimento das etapas de nacionalização dos serviços, estabelecidas pelo contrato H-XBR.

Após a entrega das três aeronaves para Marinha, Exército e Aeronáutica, o próximo helicóptero deverá entrar em inspeção A/T somente no próximo ano. A unidade será o primeiro EC725 VIP, entregue para a FAB – Força Aérea Brasileira.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica