Hi Fly recebe mais um avião Airbus A330-200 (ex-KLM)

Data:

https://arabaviationsummit.net/spot_img

A Hi Fly, empresa de transporte aéreo, de matriz portuguesa, especializada em disponibilizar aviões para fretamentos e para arrendamentos a outras empresas aéreas, além de voos fretados, acaba de receber um mais um aparelho Airbus A330-200, preparado para viagens de longo curso, que será integrado brevemente na sua frota. No total tem agora 21 aviões, todos Airbus, dos tipos A330 e A340, segundo informa site da empresa.

A notícia foi avançada neste fim-de-semana pelo portal brasileiro de notícias de aviação ‘Aeroin.net. Refere a informação que a Hi Fly já atualizou o seu site com a entrada do novo avião, que recebeu a matrícula 9H-HFG, registado no COA da Hi Fly Malta, uma das duas companhias aéreas do Grupo Mirpuri.

Segundo histórico disponível no Planespotters, o avião que agora integra a Hi Fly foi fabricado em 2008 para ser entregue à Força Aérea dos Estados Unidos da América, mas acabou armazenado até 2013, quando foi parar à frota da KLM, companhia de bandeira dos Países Baixos.

Este Airbus A330 voou na companhia europeia sob a matrícula PH-AON até ao começo da pandemia da covid-19, tendo sido armazenado em março de 2020 até voltar à atividade, agora, com registo da Hi Fly Malta.

O jato estava sendo guardado no aeroporto Lleida-Alguaire, em Espanha, sob a matrícula provisória OE-LDV da empresa de leasing Air Lease Corporation (ALC), e voou para o Aeroporto de Beja, base da Hi Fly em Portugal, na última quarta-feira, 22 de fevereiro, adianta o ‘Aeroin’.

 

  • A imagem de entrada é apenas ilustrativa. Mostra um avião da companhia portuguesa (Airbus A330-900neo) num aeroporto da Polinésia. Foto © Arnauld Tranier

Compartilhar publicação:

REGISTE-SE

spot_img

Popular

spot_img

Mais como isso
Relacionado

Maioria parlamentar chumba comissão de inquérito à privatização da ANA – Aeroportos de Portugal

Os partidos PSD, CDS e PS manifestaram-se nesta terça-feira,...

Bestfly decide suspender toda a operação da TICV na República de Cabo Verde

 A companhia Transportes Interilhas de Cabo Verde (TICV) foi...

Base Aérea das Lajes não pode ser “uma base adormecida”, alerta governante dos Açores

O vice-presidente do Governo Regional dos Açores, Artur Lima,...