Bem-vindo, !|Sair

Novo incidente junto do Aeroporto de Karachi – Não se confirma destruição de aviões comerciais

Dois homens armados que passavam junto da Academia das Forças de Segurança do Aeroporto de Karachi (ASF), dispararam na tarde de terça-feira, dia 10 de Junho, diversos tiros contra aquele edifício militar e colocaram-se em fuga. Segundo o director da academia, tratou-se de um incidente isolado, e sem feridos, mas perante a proximidade da tragédia de domingo à noite as autoridades locais acharam por bem tomar as devidas precauções e encerraram durante cerca de uma hora o movimento de aviões no Aeroporto Internacional da cidade, dada a proximidade com o mesmo.

Mais tarde a imprensa paquistanesa anunciou a reabertura do aeroporto e reportava a situação de normal, em termos operacionais, não obstante o facto das forças de segurança do aeroporto continuarem em alerta máximo.

Entretanto, conhece-se já um relato oficial dos acontecimentos de domingo à noite, tendo o governo assegurado que o ataque não provocou a destruição de qualquer avião comercial. Admitiu contudo que alguma aeronave possa ostentar marcas do tiroteio, mas mesmo assim considerou-as mínimas tendo em conta a violência do ataque.

Foram divulgados, também, mais alguns pormenores do ataque, nomeadamente que os terroristas chegaram aos portões do terminal antigo do aeroporto com fardas dos homens da ASF, patrulha militar com treino específico de combate que é responsável pela segurança das instalações aeroportuárias. Levaram com eles muito armamento militar que foi capturado e mostrado aos jornalistas na conferência de imprensa de ontem à tarde, em Karachi. Muito desse material, disseram os responsáveis, é de fabrico indiano.

O atentado foi reivindicado pelo grupo ‘Tehrrek-e-Taliban’ que assume a luta armada contra o regime que governa o país.

Ontem de manhã a polícia descobriu dentro de um armazém frigorífico sete corpos de empregados de uma empresa de ‘handling’ do aeroporto que aí se tinham refugiado durante os primeiros minutos do tiroteio. Contudo os incêndios que deflagraram nas redondezas deixaram-nos sem possibilidades de saírem de dentro da câmara de frio, por bloqueio dos acessos, onde infelizmente morreram. Assim, no total, o ataque ao Aeroporto Internacional de Karachi terá provocado 35 mortos confirmados, entre eles os dez terroristas, dois que se fizeram explodir e oito abatidos pelos ‘rangers’ da segurança, que, por sua vez, sofreram nove mortos.

  • Imagem publicada hoje à tarde (10 de Junho) na página de Facebook dos amigos da PIA – Pakistan International Airlines, em que se vêem dois Boeings 747, um da Cargolux e outro da PIA, que tinham sido dados como destruídos. O governo paquistanês assegurou ontem em conferência de imprensa que não tinham sido destruídos aviões no aaque de domingo.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica