Bem-vindo, !|Sair

Pratt & Whitney aumenta produção de motores para responder aos A320neo

A Pratt & Whitney está a planear reservar cerca de 13% da produção deste ano dos motores Geared Turbofan para substituir unidades com defeitos, obrigando assim a fábrica a tomar uma série de medidas para resolver as falhas existentes.

Pelo menos 42 motores que motorizam os novos A320neo da Airbus, tiveram de ser removidos a nível mundial desde o dia 24 de fevereiro, citando o regulador indiano de aviação civil, devido a problemas com a câmara de combustão e com os rolamentos.

A India tem atualmente a maior frota de aviões Airbus A320neo do mundo e o regulador de aviação deste país ordenou às duas companhias aéreas nacionais que os adquiriram a inspeção dos motores com mais de 1.000 horas de serviço.

“A Pratt & Whitney, com o apoio da Airbus, está diretamente em contacto com as autoridades indianas para tratar de questões técnicas e fornecer soluções em tempo útil”, disse o fabricante de motores em resposta por e-mail para consultas, quando questionado por um jornal indiano. A empresa reafirmou ainda a sua meta de produção anual para o motor. “Estamos a trabalhar ativamente com os nossos clientes na Índia e estamos a apoiá-los nas suas operações diárias.”

Para lidar com estes problemas, a Pratt & Whitney introduziu modificações na câmara de combustão, com mais atualizações esperadas até ao final do terceiro trimestre deste ano. A empresa está ainda a estudar potenciais soluções para vedantes de óleo defeituosos que permitam reparações pela asa.

O plano é construir mais de 50 “motores sobressalentes” este ano, como base num objetivo geral de produzir 350 a 400 motores. Ao reservar um grande espaço de produção para aviões em serviço, a questão poderia determinar a entrega de novos aviões.

A Índia é um mercado crucial tanto para a Airbus como para a Pratt & Whitney. A companhia de baixo custo IndiGo encomendou 430 aviões A320neo, 17 dos quais já estão ao serviço.

A Go Air tem cinco em operação e receberá mais 139 aparelhos. A estatal Air India voa com dois A320neos, porém são alimentados por motores CFM International.

 

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica