Bem-vindo, !|Sair

Rachas no motor provocam incêndio

O motor GE90, instalado à esquerda do Boeing 777 da British Airways e que pegou fogo na pista do aeroporto de Las Vegas no passado dia 8 de Setembro, tinha “inúmeras rachas na caixa”, concluíram os investigadores do US National Transportation Safety Board (NTSB).
Numa actualização da investigação aquela entidade revelou que as rachas encontradas no motor do 777-200ER localizavam-se na área junto ao compressor de alta pressão. Aliás, os investigadores encontraram, na pista do Las Vegas McCarren International Airport, diversas peças da bobina do compressor de alta pressão de aproximadamente 17 a 20 cm de comprimento. O motor pegou fogo aquando da corrida na pista o que obrigou o piloto a abortar a descolagem.
O pylon do motor, a parte esquerda da fuselagem e a asa do mesmo lado ficaram substancialmente danificadas no incêndio. A NTSB planeia desmantelar o motor para prosseguir com a investigação da qual fazem igualmente parte a Boeing e a GE Aviation.
Todos os 157 passageiros e os 13 elementos da tripulação sairam apenas com pequenas escoriações do voo BA2276 que tinha como destino o aeroporto de Gatwick em Londres.

Leave A Comment

Download de Notícias

Destaques

Temas

Área Geográfica